Goleiro Muriel do Bahia: Seguro e importante na Série B

Fim de ano, começo de outro, mas as expectativas do torcedor do Bahia é a de sempre: esperar e torcer para que a direção do clube renove os contratos daqueles aprovados na Serie B e que se junte a eles, jogadores de qualidade já que a tarefa em 2017 é bem mais complexa que o ano que esportivamente já acabou e agora vamos disputar o Brasileiro da Série A, onde o nível de dificuldade é maior, ainda que torcedor tricolor de maior consciência, saiba que as pretensões do clube neste primeiro momento é modesta. Qualquer posição fora de zona de rebaixamento e um ponto acima do Vitória, a meta será executada com sucesso. A partir de 2018 ai sim, quem sabe podemos colocar um par de asas nos sonhos.

Portanto que vai embora, quem foi aprovado, que merece ficar e, sobretudo, quem deve chegar e para quais posições faz parte das preocupações do torcedor tricolor enquanto aguarda o inicio da temporada.

Ontem, o Felipe Costa em um alongo e belo texto (aqui) fez uma espécie de raio do elenco do tricolor e apontou suas carências de acordo ao seu ponto de vista. Hoje é a vez do também tricolor E. Silva colaborar com o tema e ido além, quando defende a renovação do contrato do goleiro Muriel e sugere o retorno do lateral-esquerdo Pará negociando com o Cruzeiro em 2015.

Veja

Eu sinceramente não entendo o porquê dessa desconfiança da torcida com Muriel, foi um goleiro extremamente seguro na Série B, apesar de não ser espetacular tem bons fundamentos, como a saída de gol, coisa que Lomba nunca teve nem em seus melhores momentos.

Na zaga eu também não mexeria.

Nas laterais, se não der pra renovar com Moisés uma boa opção, para ser reserva de Armero, seria Pará, o que foi vendido em 2015, jogou no Figueirense este ano. Pode ser que Moisés esteja disponível após o estadual.

Um bom volante é fundamental para jogar com Juninho (Arouca, Bruno Paulista seriam meus nomes ideais). A renovação de Luiz Antônio seria prioridade, já Renê Junior, em minha opinião, é no máximo um reserva, eu não teria nem renovado.

Nas meias eu também não mexeria, pelo menos agora no começo da temporada, manteria Rômulo com terceiro jogador da posição.

No ataque é que realmente esta a necessidade número um, precisamos de dois atacantes de beirada bons, para serem titulares, Edigar Junio no meu time é no máximo um reserva, os outros podem ser da base. E também precisamos de um reserva pra Hernane, os nomes especulados me parecem adequados.

E. Silva – Torcedor do Bahia, amigo e colaborador do BLOG 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*