Em nota, Nacional-AM acusa torcedores do Bahia de Feira de xenobofia

O clube afirma ter um vídeo onde torcedores do Tremendão chamam os atletas do Nacional-AM de “índios” e “comedores da selva”

Foto: Divulgação/Bahia de Feira

O Nacional-AM divulgou uma nota nesta terça-feira acusando torcedores do Bahia de Feira de xenofobia, na partida da última segunda-feira (14), na Arena Cajueiro, que terminou com vitória do Tremendão por 2 x 0. O clube afirma ter um vídeo onde torcedores do Tremendão chamam os atletas do Nacional-AM de “índios” e “comedores da selva”, fazendo referência pejorativa ao estado do Amazonas.

 

O jogo de ida entre os dois times ficou marcado por polêmica. O Nacional-AM publicou nas redes sociais uma imagem onde os jogadores do time sumulavam um velório durante treinamento na Arena Cajueiro, mesmo local onde faleceu o atacante Deon quatro dias após a publicação. Após a repercussão negativa, com notas de repúdio de clubes baianos e federações, o Nacional apagou a foto e se retratou por meio de nota.

Confira a Nota de Repúdio publicada pelo clube

“A direção do Nacional Futebol Clube vem a público repudiar o episódio ocorrido na última segunda-feira (14), no jogo entre Bahia de Feira e Nacional, válido pela ida das oitavas de final da Série D do Campeonato Brasileiro.

Em vídeo registrado, torcedores do clube baiano insultaram nossa equipe de forma xenofóbica com termos como “índios” e “comedores da selva”.

Entendemos que nada justifica o preconceito à região mais diversificada do país e dona de uma cultura inigualável. Costumeiramente, o futebol amazonense sofre esse tipo de ataque de pessoas que desconhecem a forma de viver dos também brasileiros cidadãos de uma região do país que os próprios habitam.

O Nacional FC se esforça para manter vivo o orgulho de uma história centenária do clube mais vezes campeão do nosso estado do Amazonas. E não podemos normalizar tais comportamentos que ferem o convívio do futebol.

O Nacional FC é contra qualquer tipo de movimento preconceituoso. Lamentamos o ocorrido e pedimos respeito com a cultura e o povo da nossa região, afinal, temos muito orgulho de sermos filhos dessa terra.”

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário