STJD marca julgamento de recurso dos envolvidos na briga da final do Nordestão

O Pleno do STJD marcou a próxima quinta-feira o julgamento

Foto: Thiago Gadelha/SVM

O julgamento do recurso dos jogadores de Ceará e Bahia, envolvidos na briga ocorrida na final da Copa do Nordeste deste ano, será realizado na próxima quinta-feira. O Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) definiu a data nesta segunda-feira. Pelo lado do Ceará, serão julgados o lateral Gabriel Dias e os atacantes Mendoza e Jael. Pelo Bahia, entram na pauta o zagueiro Juninho, o lateral Nino Paraíba e o meia Daniel. Os atletas foram julgados pela Terceira Comissão Disciplinar do STJD no início de junho. Na ocasião, todos foram suspensos. Os cubes e a Procuradoria entraram com recurso para o Pleno reavaliar as penas.

 

Pelo lado do Ceará, Mendoza pegou oito jogos de suspensão, enquanto Jael pegou sete e Gabriel Dias seis. Já pelo lado do Bahia, Nino Paraíba pegou sete jogos (e já cumpriu todos), enquanto Daniel e Juninho foram punidos com seis jogos. O Bahia tentou efeito suspensivo para o lateral, mas não conseguiu. Daniel e Juninho cumpriram duas partidas de gancho cada um.

Caso o Pleno condene Gabriel Dias, Jael, Juninho e Daniel com penas superiores a dois jogos de gancho, eles precisarão cumprir a suspensão na Série A do Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil – o Bahia ainda disputa o torneio e enfrenta o Atlético-MG nas oitavas de final. Nino só perderá jogos na possibilidade de pegar uma punição superior a sete partidas.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*