“Sempre tive a certeza que enfrentava uma tremenda injustiça”, diz Ramírez

Índio Ramirez afirmou que foi uma grande injustiça a acusação e sabia que seria inocentado

Se recuperando de uma artroscopia realizada no joelho esquerdo, na Colômbia,  no início de março, o meia Índio Ramírez se pronunciou sobre o arquivamento do inquérito de racismo, denunciado pelo volante Gerson. O Ministério Público determinou e o Juiz colocou um ponto final no caso. O promotor de Justiça do MP do Rio, Alexandre Themístocles, relatou que Bruno Henrique e Natan, jogadores do Flamengo, disseram não ter ouvido a ofensa racista, assim como os membros da arbitragem e o então técnico do Bahia, Mano Menezes. O promotor também cita laudo pericial que “não indica a ocorrência da agressão verbal”.

 

O meia Índio Ramirez afirmou que foi uma grande injustiça a acusação e sabia que seria inocentado. “Sempre tive a certeza da minha inocência e que enfrentava uma tremenda injustiça. Agradeço o apoio da minha família, meus amigos, do Esporte Clube Bahia e dos meus advogados @milton.jordao e @crispossidio”, postou.

“Sempre com fé, tranquilidade, de que tudo ia sair bem. Porque nunca disse nada mal, não agi mal. Estou muito feliz por isso, agora isso já é passado. E agora é pensar no presente, em recuperar-me bem”, afirmou.

“Agradecer ao Bahia, ao presidente, aos companheiros, aos torcedores, à minha família, a todos que estiveram comigo sempre desde o princípio. Um abraço. Bem, vou recuperar-me bem da lesão e chegar 100% recuperado e continuar contribuindo para conquistar coisas lindas e títulos”, finalizou.

 

Comentários:

2 Comentário

  1. Alguém aí do ECB deve pedir desculpas a Globo lixo, a imprensalha e aos que acreditaram, difamaram e acusaram o Ramirez de ter cometido algum ato ilegal, por que tudo não passou de uma fake news e essa fake news ocupou o precioso tempo dessas instituições ou pessoas, além de dar um prêmio hollywoodiano ao ator e ao clube flamenguista…excelente roteiro para os lavradores de plantão do E.C.B …

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*