Mancini diz que Corinthians foi superior ao Bahia e critica arbitragem

"Corinthians jogou mais do que o Bahia e sai daqui derrotado", disse.

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians amargou a terceira derrota nos últimos quatro jogos ao ser derrotado pelo Esporte Clube Bahia ontem na Arena Fonte Nova, pelo placar de 2 a 1, resultado que deixou o time paulista ainda mais distante do G-6. Após o jogo, o técnico Vagner Mancini frisou que o Timão foi superior, mas lamentou a “pobreza técnica e tática” da equipe e afirmou que as cobranças serão feitas. Porém, o treinador também criticou a arbitragem e disparou que “houve um pênalti escandaloso”. Ele se refere ao lance onde Gregore está com os braços colados ao corpo e desvia a bola. O VAR sequer precisou chamar o árbitro para olhar as imagens.

 

“Não posso aceitar uma pobreza técnica e tática em alguns momentos e que esse time crie e não coloque para frente (as chances). As cobranças serão feitas. O Corinthians desperdiçou uma grande oportunidade de encostar no pelotão da frente. Nossas chances no 0 a 0 foram reais, controlávamos o jogo e, de repente, a gente toma dois gols. Como recuperar (confiança)? Tendo o controle da partida, sabendo a hora de atacar e defender. Esse equilíbrio que nos faltou nos custou os três pontos.”

“Corinthians jogou mais do que o Bahia e sai daqui derrotado, não podemos achar isso normal. Então esse tipo de cobrança tem que ser feita, os ajustes acontecerão, é óbvio, para que no jogo contra o Ceará a gente apresente um teor de jogo mais qualificado.”

“Por mais que a gente tenha tido volume na segunda etapa, feito o gol, teve o pênalti escandaloso que o árbitro não quis nem ir olhar. Vamos lembrar que o Corinthians vem sendo prejudicado em vários lances, isso não tira nossos erros, eles serão cobrados, mas tenho que falar que teve um pênalti claro não marcado em que a reação talvez viria”, disse.

Comentários:

1 Comentário

  1. Em São Paulo o Bahia jogou melhor, sofreu pênalti, esse sim escandaloso, ainda teve piscada de olho do juíz para Cássio, com relação a Cássio esse goleirinho arrogante e prepotente que não aguenta para o Bahia receba seu presentinho de 500 jogos; mais dois gols do Bahia em sua história. rsrsrsrs

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*