Bobô é o destaque do domingo em quadro do Esporte Espetacular

Bobô foi homenageado no quadro "Artilheiro do Domingo"

Um dos maiores ídolos da história do Esporte Clube Bahia e principal jogador do timaço formado por Evaristo de Macedo que conquistou o bicampeonato brasileiro em 1988, Raimundo Nonato Tavares da Silva, mais conhecido como Bobô, foi o destaque deste domingo (03) no quadro “Artilheiros do Domingo”, do programa Esporte Espetacular. O quadro relembrou histórias e gols marcados do atleta pelo Esquadrão, principalmente os dois da final contra o Internacional, na Fonte Nova, além de uma pintura contra o Operário, saindo do meio de campo e passando por toda a defesa, quando chegou a ser chamado de “Maradona da Bahia”.

 

Revelado pela Catuense, Bobô foi contratado pelo Bahia em 1984 e permaneceu no clube até 1989. Além do título nacional, foi tricampeão baiano. Sua saída do Bahia ocorreu em 1989, quando foi vendido ao São Paulo por U$ 1 milhão, um valor alto para os padrões da época. Passou ainda por Flamengo e Fluminense.

Em 1996, aos 34 anos de idade, Bobô voltou ao Bahia com o objetivo de encerrar sua carreira, o que ocorreu no ano seguinte (1997). Bobô ainda voltou ao clube em 2002, desta vez como treinador, e no mesmo ano foi campeão da Copa do Nordeste, comandando um time que tinha no ataque um trio de respeito (Nonato, Robgol e Sérgio Alves). Na final, venceu o arquirrival Vitória.

VEJA ABAIXO A MATÉRIA

Autor(a)

03/01/2021 às 13h30

Fellipe Costa

Redator e Administrador do Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*