Botafogo ainda não definiu quem comanda o time contra o Bahia

Flávio Tenius cumpriu o combinado e ainda não sabe se continuará

Flavio Tenius — Foto: André Durão

O Botafogo segue sem um treinador após a demissão de Bruno Lazaroni. Nas últimas duas partidas (empates com Ceará e Cuiabá), o time foi comandado pelo preparador de goleiros Flávio Tenius, porém, após o empate sem gols com o Cuiabá que eliminou o Fogão da Copa do Brasil, profissional afirmou que já cumpriu o combinado e ainda não sabe se continuará comandando a equipe no próximo jogo contra o Esporte Clube Bahia, em duelo agendado para 18h15 de domingo, na Arena Fonte Nova, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

“Não sei se vou continuar à frente da equipe. Fui requisitado para ajudar nessas duas partidas, não sei se o treinador novo chega. Ninguém me falou nada”, afirmou.

O Botafogo chegou a acertar salários com o técnico venezuelano César Farías, que comanda a Seleção da Bolívia. No entanto, o presidente da federação do país, Rolando Aramayo, afirmou que não vai liberar o comandante e frustrou os planos do clube carioca que pretendia anunciar o novo técnico antes do jogo contra o Bahia. Mesmo desejando trabalhar no Brasil e admirando o clube carioca, por ser fã de Mané Garricha, o treinador teria dito a Carlos Augusto Montenegro que o “compromisso e a palavra são maiores que o dinheiro e que o sonho”.

Sem César Farías, o Botafogo volta a procurar outros treinadores. Há quem fale em Ramon Menezes, que recentemente deixou o Vasco demitido por conta de uma sequência de maus resultados.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*