E.C BAHIA: PROCURA-SE JOGADORES ÚTEIS!!!

"Jogador que não é ÚTIL tem que ser afastado e ponto!"

Tive a preocupação de procurar no dicionário Aurélio o significado do adjetivo “INÚTIL” e lá encontrei as seguintes definições: “que não tem utilidade, serventia, préstimo. Que não vale a pena, que é baldado; infrutífero, vão. “Insistência i.”. Enfim, porque olhei isso? Para homenagear o Saudoso catedrático Jorge Portugal? Claro que não, afinal, é uma crítica esportiva, se bem que nosso saudoso mestre merece todos os nossos louros e boas recordações. A intenção de escrever esse texto, logo após o Bahia alcançar a inimaginável lanterna do Campeonato Brasileiro, afinal, ninguém conjeturava essa situação ao começo do ano (nem venham dizer que achavam isso, rs), afinal, há três anos fazemos campeonatos relativamente seguros sem esse risco, mesmo com o segundo semestre horrível ano passado.

 

O primeiro ponto que abordo é sobre o termo INÚTIL, que trago não para difamar ou reduzir nenhum dos atletas na sua personalidade ou pessoalidade, afinal não quero imputar ato ofensivo à reputação de alguém quanto sua honra, mas, falar da utilidade ao time, enquanto profissionais. Aliás nem é necessário elencar um por um, afinal a INUTILIDADE dos serviços prestados por esses atletas ao EC BAHIA, salta aos olhos até de quem está com os olhos vendados.

O Bahia se reforçou agora, tanto na área técnica e com dois atletas que ainda não estrearam, e espero que isso seja ÚTIL para nós, contudo, não adianta ficar com a INUTILIDADE de atletas que já foram testados e reprovados, em detrimento de atletas sequer tiveram oportunidade de provar seu valor e que querem mostrar que são úteis ao clube e são preteridos.

No futebol há ciclos e notadamente o ciclo de alguns atletas já encerrou faz tempo no EC BAHIA e estes fazem apenas figuração no elenco, pois não tem mais nada para entregar ao clube em campo. Falta discernimento na diretoria para entender quando um atleta não é mais ÚTIL ao clube e entender mais ainda que a fila anda e que quanto a isso não ficam ressentimentos, afinal, a roda do futebol gira e isso é normal em qualquer clube.

O Bahia paga em dia, logo não deve satisfações quando demite ou dispensa alguém já que cumpre com suas obrigações. O que tem acontecido é o clube oferecer aos atletas condições para que estes trabalhem e os mesmos se acomodarem na inércia da diretoria e da comissão técnica em cobrá-los como se deve. Jogador que não é ÚTIL tem que ser afastado e ponto, e, se for ativo do clube, ser passado para algum outro clube para seguir em frente na carreira. A verdade é que estamos na Lanterna num campeonato de BAIXÍSSIMA EXIGÊNCIA TÉCNICA.

Já fui muito criticado por sugerir a contratação de jogadores sul-americanos, mas entendam, não falo de jogadores que o Bahia não tenha condição de contratar, nem de medalhões em fim de carreira, mas de atletas que sejam ÚTEIS, afinal há um DADE que trabalha e recebe muito bem para isso.

Jogadores nesse perfil não precisam ser famosos, precisam ser profissionais e ÚTEIS como são em outros clubes, pois é necessário pensar em competitividade, em atletas que querem e pensam como vencedores, que não se acomodam como os INÚTEIS que colocaram o Bahia onde está dentro de campo no último posto do campeonato Brasileiro. Estes jogadores nem ao menos mostram incômodo em entrevistas ou na postura pouco honrosa dos mesmos quanto ao clube, é um verdadeiro: ESTAMOS POUCO NOS LIXANDO!!!!

Enfim, acho que pior do que está não pode ficar, e digo mais, a torcida também está inerte, tem que pressionar enquanto sócio e também o torcedor não sócio, não somos INÚTEIS a ponto de sermos tolerantes com essa situação. Temos meio de protestar, pacificamente sempre, hoje há muitos meios de se chegar ao clube.

Temos que cobrar o diretor de futebol (se ele der as caras porque sumiu e é blindado pela direção) por essa pasmaceira e pela falta de qualidade dos atletas disponíveis para Mano trabalhar e tentar, no meio do caminho, corrigir a bagunça em que se encontra o time, trazendo outros atletas urgente. O que se espera principalmente é que a direção tenha a coragem de afastar os que nada querem com a hora do Brasil, e não colocar tudo nas costas de Mano. Tem que acabar com a zona de conforto e colocar jogador INÚTIL para treinar separado e principalmente mostrar que há ordem nessa zorra, afinal futebol é muito caro para folguedos e derrotismo.

Esse texto é mais um desabafo que qualquer outra coisa, é talvez, algo que muitos querem dizer, é a espera de um CHOQUE DE GESTÃO DE FATO. Sou apenas uma solitária VOZ dentre milhões de torcedores do esquadrão a querer INÚTEIS fora do Bahia, tentando ser mais ÚTIL de alguma maneira e colaborar do meu jeito para que se finde esse ranço dos infernos sobre meu time de coração.

Diego Campos, torcedor do Bahia e colaborador do Futebol Bahiano.

 

Deixe seu comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Árbitro carioca apita Vitória da Conquista x ABC pela 3ª rodada da Série D
  2. Árbitro pernambucano apita Bahia de Feira x Brasiliense pela Série D

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*