Bahia sofre quase a metade dos gols em jogadas de bola parada

Bahia tem a pior defesa do Campeonato Brasileiro da Série A

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia tem a pior defesa do Campeonato Brasileiro da Série A, com 18 gols sofridos, 13 deles nas últimas cinco partidas. Na última quarta-feira, o time tricolor até fez uma boa partida, criou, mas perdeu por 3 a 2 para o Corinthians, na Neo Química Arena, amargando a terceira derrota consecutiva e o oitavo jogo seguido sem vencer. O Esquadrão divide o posto de pior defesa do Brasileirão com o Red Bull Bragantino, que no sábado venceu o Ceará por 4 a 2, e deixou a zona de rebaixamento. As defesas mais eficientes da Série A são as de Grêmio e Internacional, que sofreram apenas 7 gols.

 

Dos 18 gols sofridos pelo Bahia em 10 jogos, sete gols foram originados a partir de jogadas de bola parada, o que representa quase 40% do total, de acordo com levantamento do “ge”. Somente no jogo contra o Corinthians, o Esquadrão levou dois gols de escanteio. Contra o Grêmio, foram bolas alçadas em direção à aérea. Somando o gol sofrido diante do Internacional, com a bola rolando, o tricolor baiano sofreu seis gols de bola aérea.

Na primeira entrevista como técnico do Bahia, Mano Menezes foi questionado sobre a deficiência defensiva do time e afirmou que o clube havia contratado o treinador certo. Mano, além da experiência e do currículo, tem a capacidade de montar defesas sólidas. Depois de dois jogos à frente do Tricolor com derrotas para Atlético-GO e Corinthians, o técnico terá, pela primeira vez, tempo para ajustar as falhas. Serão fez dias sem jogos para trabalhar com o elenco visando o próximo compromisso, diante do Athletico-PR, no sábado, na Arena da Baixada.

 

 

 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*