Empresário de Cavani revela sondagens de Flamengo, Palmeiras e Inter

Uruguai não vai renovar seu contrato com o PSG

Com contrato encerrando em junho deste ano, o atacante Edinson Cavani não irá renovar com o Paris Saint-Germain e vai ficar livre no mercado no meio do ano. O destino ainda é uma incógnita, mas interessados obviamente não faltam, até mesmo do futebol brasileiro. De acordo com o empresário, Walter Fernando Guglielmone, que é ex-jogador e já atuou no Brasil defendendo o Pelotas, do Rio Grande do Sul, três clubes da Série A do Campeonato Brasileiro manisfestaram interesse no uruguaio: Flamengo, Palmeiras e Internacional. Na América do Sul, outro clube de olho em Cavani é o Boca Juniors.

 

“Para ser honesto, tudo pode acontecer, pois existem muitos clubes interessados em Edinson. Até o momento, não há nenhum contato com os Azzurri (Napoli). Recebemos sondagens da América do Sul com Flamengo, Palmeiras, Internacional de Porto Alegre e Boca Juniors”, afirmou Walter Fernando Guglielmone, citado pelo jornal “Tuttosport” e pelo portal “CalcioNapoli1926.it”.

Palmeiras e Internacional negaram contato pelo atacante. No caso do Flamengo, a diretoria fez uma consulta durante o período em que não tinha a certeza da permanência de Gabigol. Como o artilheiro foi contratado, as conversas com Cavani não evoluíram.

Devido a pandemia do coronavírus, Cavani está em quarentena na sua fazenda em Salto, no interior do Uruguai. Na atual temporada europeia, o atacante disputou 14 partidas, marcando quatro gols e dando duas assistências com a camisa do PSG. Estima-se que o salário de Cavani, de 33 anos, gire em torno de 10 milhões de euros por ano.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*