Brasil 2 x 0 Alemanha: Hoje às 16h, Reexibição da final da Copa de 2002

Globo vai reprisar final da Copa do Mundo de 2002

Neste Domingo de Páscoa, às 16 horas, o torcedor poderá matar um pouco a saudade do futebol na TV, que já está há quase um mês paralisado por conta da pandemia do coronavírus. Calma! As competições ainda não vão retornar, no entanto, a Rede Globo chegou a um acordo com a FIFA para reprisar a final da Copa do Mundo de 2002 que marcou a conquista do pentacampeonato da Seleção Brasileira. Em comunicado, a emissora carioca confirmou que o duelo entre Brasil e Alemanha, vencido pela seleção brasileira por 2 a 0, terá a narração original de Galvão Bueno, além de um especial antes da partida, comandado por Cléber Machado e Casagrande. Para aquecer os motores, serão convidados personagens marcantes para a conquista histórica da seleção.

 

Ronaldo ‘Fenômeno’ fez os dois gols da partida e terminou o torneio como artilheiro, com oito gols marcados. O quinto capitão brasileiro a levantar a taça de campeão foi Cafu, que entrou para a história ao tornar-se o primeiro jogador a disputar três finais de Copa do Mundo. A seleção brasileira chegou ao Mundial desacreditada, mas terminou a competição com 100 por cento de aproveitamento – sete vitórias em sete jogos.

A Seleção Brasileira chegou na Copa de 2002 desacreditada. Vinha de um vice-campeonato em 1998, após perder por 3 a 0 para a França de Zidane, e passava por um momento ruim, além disso, chegou a ser eliminado da Copa América, em 2001, após derrota para Honduras, time pouco prestigiado. Nesse ritmo, as eliminatórias da Copa foram um grande desafio para o time de 2002. Após sucessivas trocas de técnicos do time, chegou ao comando da seleção Luiz Felipe Scolari, o Felipão, que montou uma seleção de craques e apostou em jogadores que vinham se recuperando de lesão, caso do goleiro Marcos e do centroavante Ronaldo, destaques no torneio e principalmente na final.

Na fase de grupos, o Brasil terminou como líder na chave C, conquistando 9 pontos após vencer Turquia (2 x 1), China (4 x 0) e Costa Rica (5 x 2). Nas oitavas de final, venceu por 2 a 0 e despachou a Bélgica, algoz da seleção de Tite na Copa de 2018. Nas quartas de final, o Brasil passou pela Inglaterra vencendo por 2 a 1. Na semifinal, teve como adversário a Turquia e se classificou aplicando um gude-preso, 1 x 0, gol de Ronaldo. A final, contra a Alemanha, aconteceu no dia 30 de junho de 2002.

FICHA TÉCNICA
Brasil 2 x 0 Alemanha

Final

Público: 69.029

Gols: Ronaldo, aos 22 minutos do segundo tempo, Ronaldo, aos 34 do segundo tempo

Cartões amarelos: Roque Júnior, Miroslav Klose

FICHA TÉCNICA:

Alemanha (4-4-2): 1-Oliver Kahn; 22-Torsten Frings, 2-Thomas Linke, 5-Carsten Ramelow, 21- Christoph Metzelder; 19-Bernd Schneider, 16-Jens Jeremies (14-Gerald Asamoah, aos 32 do segundo tempo), 8-Dietmar Hamann, 17-Marco Bode (6-Christian Ziege, aos 39 do segundo tempo); 7-Oliver Neuville, 11-Miroslav Klose (20-Oliver Bierhoff, aos 29 do segundo tempo)

Brasil: (3-5-2): 1-Marcos; 3-Lucio, 5-Edmilson, 4-Roque Junior; 2-Cafu, 8-Gilberto Silva, 15-Kleberson, 11-Ronaldinho (19-Juninho, aos 40 do segundo tempo), 6-Roberto Carlos; 9-Ronaldo (17-Denílson aos 45 do segundo tempo), 10-Rivaldo

Árbitro: Pierluigi Collina (Itália)

Auxiliares: Leif Lindberg (Suécia)

Philip Sharp (Inglaterra)

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*