Milton Neves aponta as cinco torcidas mais incríveis do Brasil; confira

Paysandu é o único fora do eixo Sul-Sudeste

Em sua coluna no ​UOL Esportes, o jornalista Milton Neves apontou quais são as cinco torcidas mais incríveis do futebol brasileiro, na sua opinião. Em primeiro lugar, ele colocou a torcida de seu próprio clube do coração, o Atlético-MG. Em segundo e terceiro, respectivamente, o apresentador do programa “Terceiro Tempo” elegeu ​Corinthians e ​Flamengo, as duas maiores torcidas do país, colocando o Timão em segundo pelo fato da torcida continuar apoiando mesmo quando o time está perdendo, pontuou ele. Fechando o ranking, Milton Neves colocou ​Grêmio (4º) e Paysandu (5º), sendo a torcida do Papão a única representante fora do eixo Sul-Sudeste. Veja abaixo:

 

“Sim, meus amigos, a torcida do Clube Atlético Mineiro é a mais incrível do Brasil. E digo mais: a Massa do Galo é a mais vibrante do mundo! Agora, bem que a diretoria atleticana poderia colaborar com essa torcida tão apaixonada, não é mesmo?

Eles são malas, é verdade. E MUITO MALAS! Mas não dá para negar que são completamente apaixonados pelo Sport Club Corinthians Paulista. Jogar em Itaquera é sempre um tormento. Pena que ultimamente o time não tem correspondido…

Elogiar a maior torcida do mundo é chover no molhado, convenhamos. Mas tem um pequeno defeito: quando o time está perdendo, ela se cala. Diferentemente, por exemplo, da torcida corintiana, que parece que se inflama quando o Timão está em desvantagem no placar.

Com um estilo bem argentino, a torcida do Grêmio é irritante quando de jogos em sua Arena. Jogar em Porto Alegre é sempre muito, muito complicado.

É, meus amigos, é muito fácil ser fiel com um time que recebe milhões e milhões de patrocinadores e da TV. Fiel, mas fiel MESMO é a torcida do Paysandu, que não abandona o time, tão esquecido pela mídia nacional, nem nos piores momentos.

Agora é sua vez, amigo internauta. Monte o seu top 5 com as torcidas mais incríveis do Brasil.”

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*