Invicto há 6 jogos, Bahia de Roger tem 66% de aproveitamento no ano

Esquadrão emplacou seis jogos seguidos sem perder na temporada

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Antes da paralisação do futebol em razão da pandemia do coronavírus, o time principal do Esporte Clube Bahia entrou em campo dez vezes, incluindo Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Sul-Americana. Foram 6 triunfos, 2 empates e 2 derrotas, 15 gols marcados e 6 sofridos, um aproveitamento de 66,6%. As duas derrotas foram bastante sentidas pelo torcedor, a primeira pela eliminação na Copa do Brasil para o River-PI e a outra no clássico BA-VI na Fonte Nova. Porém, depois dos dois tropeços, o Esquadrão emplacou seis jogos sem derrota, sendo essa a segunda melhor sequência invicta do técnico Roger Machado no comando do tricolor baiano. Venceu Nacional-PAR (em Salvador e no Paraguai), CSA, Confiança e América-RN, além de ter empatado com o Ceará em duelo onde vencia até o último minuto, mas tomou o empate.

 

Eliminado da Copa do Brasil, o Esporte Clube Bahia ainda tem três competições a disputar na temporada, a Série A que ainda não tem previsão para iniciar e duas delas que estavam em andamento. Na Copa Sul-Americana, o Tricolor avançou à segunda fase com o segundo melhor desempenho após despachar o Nacional-PAR. A Copa do Nordeste, por sua vez, tem oito partidas previstas para acontecer na última rodada da primeira fase, fora quartas de final, semifinais e final. Após o encerramento da 7ª rodada, apenas Bahia e Fortaleza já têm vaga garantida nas quartas de final. No Grupo A, Botafogo-PB, ABC, Sport-PE e CRB disputam as duas últimas vagas. Já no Grupo B, Confiança-SE, Vitória, Náutico e Ceará formam o G-4, porém, Santa Cruz aparece no 5º lugar e ainda sonha com a classificação.

O técnico Roger Machado utilizou 21 jogadores nesses jogos e apenas quatro ainda não estrearam na temporada. Giovanni, Marco Antônio e Elton, que se recuperam das lesões, Ernando que também iniciou o ano lesionado, mas se recuperou e foi algumas vezes relacionado para o banco de reservas, além de Nino Paraíba, titular boa parte da temporada passada, porém, hoje apenas reserva de João Pedro e ainda sem atuar.

Dos 21 jogadores utilizados por Roger Machado nos 10 primeiros jogos, 20 deles são do próprio elenco e um do time de transição: O jovem Saldanha, que jogou por alguns minutos no jogo contra o Ceará, pela Copa do Nordeste. Oito atletas estiveram em campo em todos os jogos: Clayson, Élber, Gilberto, Flávio, Gregore, João Pedro, Juninho e Juninho Capixaba.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*