Zé Roberto deixa o Atlético-GO após proposta irrecusável dos Emirados Árabes

O atacante ex-Bahia recebeu uma proposta de um clube dos Emirados Árabes

Foto: Paulo Marcos/ACG

Após 19 dias e apenas um jogo, contra o Grêmio Anápolis na primeira rodada do Campeonato Goiano, marcando um gol, o atacante Zé Roberto deixou o Atlético Goianiense. O jogador, revelado na divisão de base do Bahia, chegou ao Dragão de Goiás após marcar 14 gols pelo rebaixado São Bento na Série B de 2019 e chegou com status de principal contratação do clube, no entanto, o atleta pertence ao Mirassol que recebeu uma proposta irrecusável do Baniyas, dos Emirados Árabes. Com isso, Zé Roberto vai atuar fora do país e o Atlético-GO embolsa R$ 800mil com a transferência. O presidente Adson Batista admitiu que foi uma surpresa.

 

“Para nós também foi uma surpresa, ninguém queria isso, mas pagaram a multa, uma proposta irrecusável. Já tinha essa conversa antes mesmo dele chegar aqui, o jogador não queria ir, mas foi força dos empresários. Infelizmente temos que encarar isso. Eles não queriam colocar multa, mas eu disse que não aceitava também que o atleta assinasse com o Atlético sem multa. Não é um valor alto, mas em 19 dias que ele esteve aqui o Atlético teve um lucro muito grande. Agora perdemos na questão técnica, estou no mercado e vou buscar outro jogador”, explicou o presidente Adson Batista.

Zé Roberto também falou sobre sua saída e agradeceu ao Atlético-GO. “Estou emocionado. É pouco tempo que estou aqui no clube, mas eu me senti muito feliz aqui no Atlético, o pessoal é muito acolhedor, todo mundo me recebeu muito bem. O Adson sabe que chegou a proposta há uma semana, eu não estava querendo ir, brigando até com meus empresários um pouco, mas eles aumentaram muito (a proposta) e para mim ficou impossível não ir porque tenho que pensar um pouco na minha família também. Agradecer também o apoio de todo mundo da imprensa, da torcida, eu espero muito poder voltar aqui. Pude fazer pelo menos um gol né e dar um pouco de alegria para a torcida do Atlético. É com tristeza que venho dar a notícia, mas infelizmente vou ter que sair agora, mas saindo para um dia voltar”, disse.

Baiano de Teixeira de Freitas, Zé Roberto acumula passagens pela base do Bahia de Feira antes de chegar ao Bahia, onde não teve tantas oportunidades no time principal e no período vinculado ao clube, foi emprestado a Salgueiro, Ponte Preta, Mirassol, Criciúma e Santos B. Jogou também no Daegu, da Coreia do Sul, em 2018. O jogador disputou a Série B do ano passado pelo São Bento, e em 33 jogos, marcou 14 gols, sendo um dos destaques do time paulista apesar do rebaixamento à Série C.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*