São Paulo recusa proposta de clube da Colômbia por Tréllez, ex-Vitória

O atacante segue fora dos planos e treinando separado do elenco

Fora dos planos do técnico Fernando Diniz, o atacante Santiago Tréllez segue com futuro incerto. Um dos interessados no jogador é o Independiente Medellín, da Colômbia, porém, o São Paulo recusou a proposta do clube colombiano que tentou contratar o atleta por empréstimo gratuito, com opção de compra, no qual se comprometia a pagar 25% dos salários do atacante. O Tricolor sequer considera conversar nesses termos e descarta a negociação. Também houve uma sondagem do Argentino Juniors diretamente a Tréllez, mas sem proposta ao São Paulo. Por enquanto, Tréllez está no mesmo grupo de jogadores que retornaram de empréstimo e inicialmente estão fora dos planos, como por exemplo Jonatan Gómez. Eles treinam em horários alternativos no CT da Barra Funda.

 

Contratado após se destacar com a camisa do Esporte Clube Vitória no Campeonato Brasileiro de 2017, o atacante Santiago Tréllez não vingou no São Paulo. Em 38 jogos no ano passado, fez apenas 6 gols. Em 2019, foi emprestado ao Internacional, mas entrou em campo apenas 13 vezes (8 como titular) e nenhum gol marcado, sendo liberado pelo Colorado que não exerceu a opção de compra. O Inter pagou R$ 1,5 milhão pelo empréstimo de Tréllez. Na negociação, ficou fixado um valor de compra de 3 milhões de euros por 70% do colombiano. No entanto, o clube gaúcho não exerceu a opção de compra e liberou o jogador. A última partida dele pelo Inter foi em agosto de 2019, contra o Fortaleza.

O colombiano, de 29 anos, começou na base do Flamengo, antes de rodar por inúmeros países da América do Sul e México, como Vélez-ARG, Independiente Medellín-COL, San Luís-MEX, Morelia-MEX, Atlético Nacional-COL, Libertad-PAR, Arsenal de Sarandí-ARG, La Equidad-COL e Deportivo Pasto-COL. Tréllez foi peça importante do Vitória no Brasileiro de 2017 (marcando 10 gols em 23 jogos) sendo decisivo para manter o Leão na elite do futebol nacional. Foi vendido ao São Paulo por R$ 6 milhões e até ganhou poucas algumas chances como titular, porém, não despontou. Ao todo, foram 38 jogos e seis gols pelo time paulista.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*