Sobrevivente do acidente da Chapecoense pendura as chuteiras

Um dos sobreviventes da tragédia da Chapecoense com o avião da LaMia que vitimou 71 pessoas, o zagueiro Neto anunciou a nesta sexta-feira sua aposentadoria do futebol aos 34 anos. O defensor tentou retornar aos gramados na atual temporada, chegou a treinar com bola em março, mas as dores levaram o atleta a pendurar as chuteiras. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do clube.

O zagueiro de 34 anos começou a carreira no Francisco Beltrão-PR e passou por Cianorte-PR e Metropolitano-SC antes de parar no Guarani. O vice-campeonato paulista com o clube campineiro o levou para o Santos. Em 2015, chegou na Chapecoense, onde estava até hoje.

Neto foi o último sobrevivente a ser resgatado da tragédia que matou 71 pessoas, sendo 19 jogadores. Dos sobreviventes, apenas Alan Ruschel chegou a entrar em campo. O lateral estava emprestado ao Goiás, mas retornou ao clube de Chapecó após o fim de contrato. O ex-goleiro Jackson Follmann, por sua vez, vem atuando como uma espécie de embaixador do clube além de participar o programa Pop Star da Globo, enquanto Neto tomou frente das defesas dos familiares das vítimas.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*