Diretor nega proposta do Náutico e Kieza segue no Fortaleza em 2020

Kieza acumula passagens pelo futebol baiano, defendendo Bahia e Vitória

Foto: ALEX GOMES / O POVO

Alvo de interesse do Náutico, onde viveu talvez seu melhor momento na carreira marcando 27 gols em 47 jogos no ano de 2011, o atacante Kieza deve permanecer no Fortaleza na temporada 2020. O presidente revelou o desejo em contar com o jogador desde o início do mês e a imprensa chegou a cravar o seu retorno para o Timbu animando os torcedores alvirrubros, no entanto, o técnico Rogério Ceni pediu a permanência do atacante. O diretor de futebol do clube cearense, Daniel de Paula Pessoa, também afirmou que não houve sondagem dos pernambucanos.  “Não teve sondagem (do Náutico). Kieza tem contrato com o Fortaleza até abril (de 2020)”, garantiu de Paula ao GloboEsporte.com.

 

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, confirmou a permanência de Kieza e ressaltou que teve a ver com a manutenção de Rogério Ceni. “A princípio, o Fortaleza tem interesse em ficar com o jogador. A gente já vinha conversando sobre isso com o Rogério antes mesmo da renovação de contrato. De fato, houve sondagens por parte do Náutico, mas algo muito superficial. Mas como eu disse, a princípio temos interesse no atleta”, afirmou Marcelo Paz, ao Superesportes.

Com a permanência de Kieza, o Fortaleza passará a ter um gasto a mais com o jogador. Isso porque no novo contrato, o Tricolor do Pici passará a arcar com 100% dos vencimentos do atleta, avaliado em R$ 170 mil por mês. Durante a temporada atual, quando veio por empréstimo junto ao Botafogo, o Fortaleza pagava R$ 140 mil, com o clube carioca assumindo os R$ 30 mil restantes. O vínculo do jogador com o Botafogo acaba em dezembro.

Emprestado pelo Shanghai Shenxin, Kieza jogou no Bahia em 2014 e 2015, fazendo parte do título baiano de 2015. Foram 72 jogos e 35 gols marcados. Foi contratado pelo São Paulo em 2016, porém, só fez dois jogos por lá e não se firmou, deixando o Morumbi para vestir a camisa do Vitória, onde jogou de 2016 até o início de 2018. No Leão, não conseguiu repetir as boas atuações do Bahia. No total, fez 80 partidas e balançou as redes 25 vezes. K9 acumula passagens também por Fluminense, Cruzeiro, Ponte Preta, Náutico, Shabab Dubai, Botafogo e Fortaleza. Pelo Náutico, Kieza teve talvez seu melhor momento, em 2011, quando marcou 27 gols em 47 jogos. Após rápida passagem no futebol árabe, voltou ao Timbu em meados de 2012 e saiu em 2013. Foram mais 16 gols em 23 jogos.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*