Com um jogador a mais, Bahia sofre empate do Cruzeiro e aumenta jejum

Esquadrão abriu o placar com Fernandão aos 20 minutos do 2º tempo

Foto: DUDU MACEDO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Em declínio de rendimento e aproveitamento acumulando três derrotas seguidas (Ceará, Inter e Santos), o Esporte Clube Bahia foi até o Belo Horizonte buscando encerrar a sequência negativa no Campeonato Brasileiro, no entanto, mesmo atuando com um jogador a mais pela expulsão de Orejuela e minutos após abrir o placar com Fernandão de pênalti, permitiu o empate do Cruzeiro com gol de Sassá, ficando no empate por 1 a 1 no Estádio do Mineirão, resultado que poderia ser considerado como bom se não fosse a circunstâncias da partida e principalmente pelo momento que necessitava de um triunfo para resgatar a confiança, mas traz um ponto para Salvador e chega a quatro jogos sem vencer na Série A.

 

Com o resultado, o Bahia completa o quarto jogo seguido sem triunfo no Campeonato Brasileiro e agora é o décimo colocado com 42 pontos perdendo posição para o Goiás que venceu o Avaí por 2 a 0. Já o Cruzeiro chega ao oitavo jogo sem perder e permanece no 16º lugar com 33 pontos, dois pontos acima do Fluminense, primeiro integrante do Z-4.

O primeiro tempo começou bem equilibrado, com os dois times procurando o gol, cada um com sua estratégia. O Cruzeiro teve a posse de bola, enquanto o Bahia contra-atacou. No entanto, da metade para o final, a equipe mandante teve um domínio maior e criou as melhores oportunidades com David e Fred, mas os dois desperdiçaram chances dentro da área. O centroavante ainda teve um gol bem anulado pela arbitragem. O Esquadrão também foi perigoso no espaço encontrado nos contra-ataques rápidas armados pelo trio Artur, Élber e Marco Antônio, porém, não conseguiu encaixar o último passe e exagerou na dependência da bola área para Fernandão.

No segundo tempo, o Bahia seguiu recuado e o Cruzeiro pressionando, porém, sem gerar grandes ameaças ao goleiro Douglas. MAS aos 18 minutos o cenário mudou completamente e se tornou favorável ao Tricolor Baiano com o pênalti cometido por Orejuela ao colocar a mão na bola após finalização de Fernandão e visto pelo VAR. O colombiano já tinha amarelo e foi expulso. Na cobrança, Fernandão marcou o seu quarto gol no campeonato, aos 20 minutos. No entanto, a comemoração não durou muito. Mesmo com um jogador a mais, o Esquadrão tomou o empate com gol de Sassá aos 28 minutos em chute de fora da área morrendo no ângulo de Douglas.

Na próxima rodada, a de número 31, o Esporte Clube Bahia volta a atuar em Salvador, onde não vence há quatro partidas (perdeu para Athletico, Ceará e Internacional. Empatou com o São Paulo). O adversário será o vice-lanterna Chapecoense, às 21h30 desta quarta-feira (06), na Arena Fonte Nova. Depois disso, terá um confronto complicadíssimo contra o líder Flamengo, no próximo domingo (10), às 18h, no Maracanã.

Cruzeiro 1 x 1 Bahia: Confira os gols de Fernandão e Sassá

FICHA TÉCNICA
Cruzeiro x Bahia
Campeonato Brasileiro – 30ª rodada

Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Data: 03/11/2019 (domingo)
Horário: 19h00
Árbitro: Wagner Reway (PB)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (GO) e Oberto da Silva Santos (PB)
VAR: Paulo Roberto Alves Junior, com auxílio de José Mendonça da Silva Junior e Jefferson Cleiton Piva da Silva (todos do PR).

CRUZEIRO: Fábio; Orejuela, Cacá, Léo e Dodô; Henrique e Éderson; Marquinhos Gabriel, Thiago Neves e David; Fred.

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Flávio, João Pedro e Marco Antônio; Artur, Élber e Fernandão.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*