Série A: Bahia não vencia dois jogos seguidos fora de casa há dois anos

Em 2017, Esquadrão venceu Ponte Preta e Atlético-MG fora de casa

Foto: Fábio Leoni/Ponte Press

O principal problema do Esporte Clube Bahia neste Campeonato Brasileiro da Série A era justamente a falta de eficiência atuando fora de casa. Nas sete primeiras rodadas, foram quatro empates e três derrotas como visitante. No entanto, o time de Roger Machado vem tendo uma grande evolução e nos últimos quatro jogos fora de Salvador, conquistou dois empates (contra Chapecoense e Palmeiras) e dois triunfos em sequência, contra Atlético-MG e no último sábado ao vencer o Vasco por 2 a 0 em São Januário, fato que não acontecia há dois anos no Brasileirão.

 

A última vez que o Bahia havia vencido duas partidas consecutivas foi na edição de 2017 do Campeonato Brasileiro. Entre 12 e 19 de julho, a equipe dirigida por Jorginho venceu Ponte Preta (3×0) e Atlético-MG (2×0), sendo que no triunfo sobre o Galo, acabou culminando com a demissão de Roger Machado, na época treinador do time mineiro. Entre um jogo e outro, um empate em 1 a 1 com o Avaí, em casa. Outro fator positivo é que o Bahia terminou outra partida sem ser vazado. Não sofreu gol nos 10 dos 18 jogos até aqui. São três jogos seguidos vencendo e não tomando gol, chegando a marca de 295 minutos, contra Atlético-MG (96), CSA (100) e Vasco (99).

O time tricolor não vencia em São Januário há sete anos (o último triunfo lá foi em 2012 quando aplicou 4 a 0, com gols de Souza “Caveirão” e Jones Carioca). Um dos destaques da partida foi o artilheiro Gilberto que marcou um golaço diante do seu ex-clube e chegou aos 24 gols em 40 jogos, 9 desses gols anotados no Brasileirão onde é o vice-artilheiro, atrás apenas de Gabriel, do Flamengo, com 15. Outro destaque foi o lateral-direito Nino Paraíba, que abriu caminho para o triunfo e marcou o seu segundo gol na temporada. O primeiro foi na goleada por 4 a 0 sobre o Londrina, no dia 18 de abril, pela Copa do Brasil.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*