Juninho fala sobre jejum do Bahia e projeta duelo contra o Flamengo

Zagueiro chegou ao Tricolor no recesso da Copa América

O zagueiro Juninho, que chegou ao Bahia no recesso da Copa América por empréstimo do Palmeiras e logo assumiu a titularidade, foi o entrevista desta terça-feira (30) na sala de imprensa do Fazendão. O jogador falou sobre o jejum do Esquadrão, que não vence há sete jogos e não marca gol há quatro. Para ele, a ansiedade atrapalha e é preciso a equipe manter a tranquilidade e a calma para retomar o caminho dos triunfos.

“Acho que todo mundo fica para buscar o primeiro triunfo dentro do clube, mas não adianta nada ficar ansioso e acabar fazendo coisas erradas dentro do campo. Tem que ficar com a cabeça tranquila e trabalhar durante os dias. A gente só consegue sair dessa instabilidade juntos. Isso é bom porque o papo diretamente com o grupo. Isso acaba ajudando a gente bastante. Tem que manter a calma porque as coisas vão surgiu naturalmente”, disse.

No próximo domingo, o Bahia enfrenta o Flamengo, às 16h, na Arena Fonte Nova. Juninho projeta um duelo difícil e quer tirar proveito da pressão que o time carioca vem sofrendo, principalmente com a decisão no meio da semana pela Copa Libertadores.

“Flamengo é forte, como todo mundo sabe, o investimento que foi feito. Eles podem vir com essa instabilidade, tem Libertadores durante a semana, podem vir com uma pressão maior. Isso a gente pode aproveitar para trabalhar, manter a cabeça. Ficar tranquilo para fazer nosso papel dentro de campo”, falou.

Foto: Felipe Oliveira

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*