Enderson Moreira x Arnaldo Lira: Treinadores falam sobre bate-boca

"Enderson fica querendo dar uma de gostoso", disse Lira

Durante a partida nesta quinta-feira (21) na Arena Fonte Nova, pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Baiano, que terminou com triunfo do Bahia por 3 a 0 sobre o Atlético de Alagoinhas, os treinadores das duas equipes, Enderson Moreira e Arnaldo Lira, tivederam um desentendimento. Após o duelo, em entrevista coletiva, os dois falaram sobre o bate-boca.

Enderson explicou o ocorrido e disse que Lira extrapolou todos os limites e aconselhou o colega de profissão a preservar a integridade física dos atletas.

“Fui reclamar da arbitragem por um lance de falta dura. Ele que veio falar comigo. Eu não me dirijo a treinador adversário durante o jogo. Ele extrapolou todos os limites da boa vizinhança. Ele tem que preservar a integridade física dos atletas. Eu penso assim não só com minha equipe, mas com os adversários também”, disse Enderson.

LIRA SOLTOU OS CACHORROS. VEJA ABAIXO

 

Já Arnaldo Lira, ao seu estilo, disparou contra o treinador do Bahia, fizendo que “Enderson fica querendo dar uma de gostoso e o time dele não está jogando nada”. Sobre o resultado, Lira disse que ficou difícil ir a final.

“Ele (Enderson) está no Bahia e fica querendo dar uma de gostoso, mas o time dele não está jogando nada, só jogou bem hoje porque eu não estou com o time completo. Mas lá podemos fazer um bom resultado. Ficou difícil ir para a final, mas temos condições de fazer um bom resultado no Carneirão. Uma pena que a gente não pôde contar com todos os nossos atletas”, disse Lira.

 

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*