“Alguns torcedores mimados falam demais”, dispara Moisés após vaias

Lateral-esquerdo rebateu as vaias fazendo gestos

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O lateral-esquerdo Moisés foi um dos personagens principais no triunfo do Bahia sobre o Salgueiro por 3 a 0 na noite deste domingo, porém, não de forma positiva como foi contra o Atlético de Alagoinhas em que ele marcou um belo gol que abriu caminho para o triunfo por 3 a 0. Durante o segundo tempo, parte da torcida na Arena Fonte Nova começou a vaiar e xingar o jogador após o mesmo desistir de uma jogada em um passe rápido. Ele, não satisfeito, fez gestos para as arquibancadas reclamando das vaias.

Após a partida, em entrevista à Rádio Metrópole, Moisés desabafou, explicando o ocorrido e disparou afirmando que alguns torcedores mimados falam demais. No final das contas, o jogador exaltou o triunfo.

“Às vezes alguns torcedores mimados falam demais. Estou aqui para jogar e respeitar o clube. É o que estou fazendo. Às vezes eles querem um passo à frente e a gente acha melhor não […] Importante esse triunfo. Fazer o dever de casa. Sabíamos da importância de vencer o jogo, está de parabéns a equipe”, disse.

 

O próximo compromisso do Esporte Clube Bahia pela Copa do Nordeste é diante do Sampaio Corrêa, no próximo sábado (30), às 16h, no estádio do Castelão, em São Luís do Maranhão. Porém, antes do duelo pela 8ª (última) rodada da primeira fase do Nordestão, o Esquadrão tem compromisso pelo Campeonato Baiano, na quarta-feira, diante do Atlético de Alagoinhas, às 21h30, no Estádio Antônio Carneiro. Na ida, o Tricolor aplicou 3 a 0 na Fonte Nova e pode perder até por dois gols de diferença para ir à final do Baianão.

Bahia 3 x 0 Salgueiro: Confira os gols de Artur, Fernandão e Gilberto

Deixe seu comentário

10 Comentário

  1. Perfeito. As pessoas do contra, fortalecem-se quando as coisas dão errado. Justamente para darem ênfase às suas opiniões. Infelizmente é assim mesmo.

  2. O bom é cada um de vcs se colocar no lugar dele, creio que muitos fariam a mesma coisa, deixem de hipocrisia e parem de ser emprenhados pelos ouvidos por essa imprensa jabazeira.

    Vamos torcer e apoia pois sabemos que o time não e ruim e tá melhorando a cada jogo independente dos adversários serem fracos

  3. CSA venceu o Sergipe por 2×0 e o Bahia está fora da zona de classificação.
    Ao CSA basta vencer o já desclassificado Altos;
    O Náutico precisa vencer o Vitória, resultado perfeitamente possível, dada a péssima fase do time baiano;
    O Ceará enfrenta esse time do Salgueiro em Pernambuco.
    Tudo pode acontecer, inclusive nada favorável.
    O mais provável é que o Bahia fique de fora.
    Mas como os times Nordestinos são muito instáveis, ainda há esperanças. Mas para o Brasileirão e Copa do Brasil, falta muita coisa a esse time.

  4. Eu estava no Estádio e vi o exato momento em que Moisés vira para a torcida e manda tomar no c*. A torcida reclamou do lance em que ele recuou a bola, mas isso é normal. As vaias constantes (embora eu não concorde com a constância)foi por causa da reação intempestiva do atleta que, a meu ver, foi ainda pior do que o lance de Guilherme. A diferença é que Guilherme gesticulou e todos viram, enquanto Moisés virou para o lado e falou (bem articulado, por sinal), mandando a torcida tomar no c*. Para mim, situações idênticas, independente de o jogador estar bem ou mal em campo. Como a maior parte dos torcedores parece não ter visto a cena, já que foi bem ali, depois da linha de meio de campo no segundo tempo, ficou parecendo que as vaias eram pela jogada. Reitero que as vaias foram em função da reação desrespeitosa do jogador. No entanto, assim como muitos comentaram lá no estádio ainda, considerei desnecessária a manifestação dos torcedores por todo o segundo tempo. Poderiam ter reagido ali, naquele momento, e depois cobrar da direção do clube providências em relação ao jogador pelo desrespeito para com o torcedor. Neste quesito, Moisés e Guilherme estão no mesmo saco. BBMP!!!

    • Sabemos que ele é um lateral limitadissimo,o problema que ele recua muito a bola e dificilmente ele parte pra jogada individual, de dez cruzamentos ele acerta quatro mais sabemos que dificilmente em uma partido ele consegue fazer dez cruzamentos pela idade que se diz ter era pra ser um jogador mais agressivo,mais ele ainda estar novo creio que vai melhorar

  5. Alguns torcedores dizem que é melhor jogar feio e ganhar do que jogar bonito e perder, só que quando Bahia joga bem e perde acidentalmente é vaiado e técnico tem que ir embora quando pega o fraco Santa Cruz do R. G Norte e ganha apenas por um a zero merece ser vaiado, pois o Santa Cruz é fraco quando joga com Altos, Jequié e dá cinco a zero os times são fracos também, então o Bahia merece ser criticado também, Moisés faz um golaço contra o Atlético de Alagoinhas e no jogo seguinte é vaiado por um erro bobo, isso já com o placar garantido. Sugestão: É melhor o Bahia não jogar ou os críticos não torcer, pois isso é muito irritante.

  6. LAMENTÁVEL ! JOGADOR “PROFISSIONAL” NÃO PODE SE IRRITAR COM TORCEDOR ! NEM MUITO MENOS XINGAR E OFENDER QUEM QUER QUE SEJA ! TORCEDOR NÃO TEM OBRIGAÇÃO NENHUMA, DE APENAS APLAUDIR E INCENTIVAR O TIME ! ELE ESTÁ ERRADO SIM ! E ASSIM COMO O GUILHERME, DEVE SER PUNIDO PELA DIRETORIA TAMBÉM !

  7. Jogador geralmente está errado em contestar torcida mas neste caso em especial moisés está correto pois com 20 minutos de jogo e 2×0 no placar teve torcedor querendo vaiar jogador por passe pra trás. Isso não é torcida, é imbecilidade. Tem parte da ‘torcida’ que torce contra o time pra validar suas próprias opiniões e isso é absurdo. Moisés tem que ficar calado e não responder a torcida mas a torcida também não tem que vaiar com vinte minutos de jogo e dois gols de vantagem então não tem santo nenhum nessa porra toda.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*