Gabriel Silva fala sobre expectativa de estreia com camisa do Vitória

"A gente sabe que todo mundo vai estar acompanhando"

Foto: Mauricia da Matta/EC Vitória

Nesta terça-feira (14), às 21h30, o Vitória abre a temporada 2019 com duelo diante do CSA, pela Copa do Nordeste, em confronto no estádio Rei Pelé, em Maceió. A competição regional tem o Leão da Barra como o maior vencedor de sua história, com quatro conquistas. Em 2018, o troféu ficou com o Sampaio Corrêa.

O zagueiro Gabriel Silva será um dos primeiros reforços do Leão a entrar em campo no ano. O defensor tem treinado com o elenco sub-23 desde o final de 2018 dezembro, já se preparando para a disputa das competições neste primeiro semestre. O jogador chegou ao Barradão após passagem de um ano pelo Internacional. Antes do Colorado, Gabriel, de 23 anos, atuou pelo Grêmio, Frankfurt, Fortaleza e Barra, de Santa Catarina.

“É uma responsabilidade grande fazer minha estreia diante do CSA, mas me preparei para isso. A expectativa é enorme, claro, e não poderia ser diferente. A gente sabe que todo mundo vai estar acompanhando essa partida, da expectativa dos torcedores e do próprio pessoal do clube em relação ao primeiro jogo do ano. Mas o trabalho na pré-temporada foi bem feito, e cabe a nós demonstrar isso em campo”, destacou Gabriel Silva.



O próximo rival do Vitória vem empolgado após uma temporada positiva, culminando com a conquista do acesso à elite do Campeonato Brasileiro. Para Gabriel Silva, é o adversário perfeito para o elenco baiano mostrar suas credenciais ao torcedor.

“Primeiro jogo da temporada e será muito importante para já mostrar o nosso potencial e o que podemos produzir durante 2019. Estamos trabalhando desde dezembro, de forma intensa, se dedicando em cada trabalho para mostrar o valor desta equipe em campo, durante os 90 minutos. E não tem oportunidade melhor que diante de um adversário que acabou de subir para a Série A e fora de casa. Temos mais um dia para estudar o rival, escutar as instruções do treinador e colocar em campo o que foi pedido pela comissão técnica”, analisou o atleta.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*