Bahia decide não exercer opção de compra e volante retorna ao Náutico

Bahia tentou um novo empréstimo, recusado pelo Náutico

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Contratado pelo Esporte Clube Bahia por empréstimo junto ao Náutico, em setembro deste ano, o volante Luiz Henrique pouco foi aproveitado pelo técnico Enderson Moreira, porém, mesmo jogando apenas 21 minutos, no que foi a sua estreia, contra o Cruzeiro pela última rodada do Brasileiro, o jogador de 21 anos interessava à diretoria tricolor para a temporada 2019.

Porém, apesar existir no contrato um valor fixado, o Bahia decidiu não exercer a opção de compra e tentou um novo empréstimo. No entanto, o Náutico, através do seu vice-presidente, Diógenes Braga, tratou de descartar um novo empréstimo do atleta. Segundo o dirigente, Bahia teve tempo suficiente para observar o desempenho do atleta e só aceita liberar mediante o pagamento estipulado para compra. Com isso, Luiz Henrique retornou ao Timbu, com quem tem contrato até 2021.

“O Bahia realmente conversou interesse no reempréstimo do jogador, mas nós falamos que isso não seria possível. Eles entenderam e com isso o atleta está voltando”, disse o vice-presidente do Náutico Diógenes Braga.



Deixe seu comentário