Acusado de agressão no jogo Atlético-PR x Vasco em 2013 vai a júri popular

Jogo trouxe cenas fortes de violência

Os fatos lamentáveis acontecerem no Campeonato Brasileiro da Série A de 2013, na Arena Joinville no jogo entre Vasco da Gama e Atlético Paranaense, no entanto, só terá um desfecho na próxima na quinta-feira (dia 6 de dezembro), às 9 horas, no Fórum da Comarca de Joinville onde um júri popular vai julgar o torcedor do Vasco da Gama que agrediu torcedores do Atlético Paranaense. A confusão aconteceu aos 17 minutos do segundo tempo com triunfo parcial do Atlético pelo placar de 1 x 0.

A sessão será presidida pelo juiz da Vara do Tribunal do Júri, Gustavo Aracheski. Ao todo, serão ouvidas 10 testemunhas neste caso que teve grande repercussão nacional, na época, devido às fortes imagens de torcedores na arquibancada sendo carregados por meio de macas. A acusação ficará a cargo do Promotor de Justiça, Dr. Marcelo Sebastião Netto de Campos.

O réu vai responder ao artigo 121, 2º, incisos II e IV, c/c artigo 14, inciso II do Código Penal, e artigo 163, parágrafo único, inciso III, todos do Código Penal, e ainda o artigo 41-B da Lei 10.671/03 (Estatuto do Torcedor).

Autores
Nesta ação, o Ministério Público denunciou três torcedores do Vasco da Gama e desmembrou o processo em três, ou seja, no júri do dia 6 de dezembro, apenas um deles estará sendo julgado. O segundo denunciado está recorrendo no Tribunal de Justiça de SC. O terceiro terá audiência de instrução no dia 12 de dezembro, na Comarca de Joinville.

Relembre o caso



Veja também

Deixe seu comentário