Chances de rebaixamento do Vitória diminuem após término da 34ª rodada

Leão tinha 75% e agora tem 70% de chances de cair

O Esporte Clube Vitória segue na luta pela permanência na Série A e a reta final promete fortes emoções com o Leão precisando vencer três dos quatro jogos restantes para renovar o alvará de time tipo A. O próximo compromisso é contra o Atlético-PR, sábado, no estádio do Barradão. O adversário paranaense não venceu nenhum jogo fora de casa no Campeonato Brasileiro (dos 17 confrontos como visitante, perdeu 10 e empatou 7). Depois do Furacão, o Vitória terá uma trinca contra clubes afamados: Cruzeiro (fora), Grêmio (casa) e Palmeiras (fora).

Mas vamos aos números. Depois da finalização da 34ª rodada, o Vitória diminuiu as chances de queda, é claro, amparado pelos tropeços dos concorrentes. De acordo com o site INFOBOLA, do matemático Tristão Garcia, o Leão agora tem 70% de probabilidades de rebaixamento (na rodada passada tinha 75%). Quem aumentou bastante foi a Chapecoense que passou de 32% para 50%. Já o América-MG, que está com um pé na Série B, aparece na vice-lanterna com 90%.

Fora do Z-4, Vasco, Sport-PE e Ceará seguem ameaçados e qualquer descuido entram no calabouço já na próxima rodada. Corinthians e Fluminense, apesar de mais acima na tabela, permanecem preocupados e com riscos de rebaixamento. Já o Esporte Clube Bahia, com o triunfo sobre o Ceará, foi retirado pelos matemáticos da lista de clubes com riscos de queda, mesma situação do Botafogo. Ambos chegaram aos 44 pontos e almejam uma vaga na Copa Sul-Americana.

Veja abaixo os números:



Deixe seu comentário