Técnico Gilson Kleina esconde time da Chapecoense e elogia o Bahia

Fechando a décima rodada do Campeonato Brasileiro nesta quinta-feira, o Esporte Clube Bahia fará sua primeira tentativa de sair da zona de rebaixamento. Atua fora onde se desempenho é simplesmente vergonhoso. Com 12 pontos, o tricolor de aço é o primeiro clube listado no Z4 e no seu último resultado venceu o Corinthians na Arena Fonte Nova pelo placar de 1 x 0.

Para sair da zona, o Bahia enfrenta e precisa vencer Chapecoense décima quarta colocada com 14 pontos em um autentico jogo daqueles chamados de seis pontos. A novidade do técnico Enderson deve ser a presença do recém contratado Gilberto, no entanto, ainda sem confirmação.



Já o técnico Gilson Kleina escondeu o jogo e não deu pista do time que manda para a Arena Condá. Hoje à tarde, após o ultimo treinamento visando o duelo contra o Bahia, o técnico se limitou a fazer considerações positiva ao tricolor de aço. Segundo ele, “o Bahia é um equipe forte e com poderio individual bom. Tem um meio criativo. Tem entrosamento com o jogadores que jogam há tempo juntos”

“Vamos ter que saber neutralizar e colocar espírito e postura. O ritmo é importante, o Bahia não parou. Não sei também se tem desgaste, porque segunda, contra o Vasco, foi difícil, mas atingiram o objetivo de passar na Copa do Brasil. Importante estarmos motivamos e com apoio da torcida” diz o treinador.

Deixe seu comentário