Enderson critica arbitragem e diz que Bahia está num “processo de evolução”

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Após o empate do Bahia com o Atlético Mineiro, por 2 a 2, na noite desta segunda-feira, na Arena Fonte Nova, o técnico Enderson Moreira aproveitou a entrevista coletiva para criticar o árbitro Wilton Pereira Sampaio que não marcou um pênalti para o Tricolor no segundo tempo e citou o VAR como um elemento para minimizar esses erros. O treinador também falou sobre a atuação da equipe e destacou que o Bahia está num processo de evolução, e que merecia o triunfo hoje.

“Estamos num processo de evolução. Hoje, infelizmente não conseguimos o triunfo, os três pontos, mas merecemos muito. Talvez a gente tenha pagado o preço dos primeiros seis minutos, onde fomos muito abaixo. O segundo tempo foi de uma equipe só atacando e a outra se defendendo. Merecíamos um resultado bem diferente do que foi. O empate, hoje, quem pode comemorar é o Atlético-MG. O que eu acho é que há uma passividade, em determinados momentos, de marcar algumas situações para uns, e uma dificuldade enorme de marcar para outros. O VAR pode minimizar muito essas questões. O que a gente quer é que haja o máximo de justiça possível”, disse.



Assista aos melhores momentos de Bahia 2 x 2 Atlético-MG na Fonte Nova

Deixe seu comentário