Bahia volta a decepcionar, perde para o Paraná e assume a vice-lanterna

Spread the love

Comandado interinamente pelo auxiliar Cláudio Prates, o Esporte Clube Bahia voltou a decepcionar nesta quinta-feira pela 10ª rodada da Série A e, mesmo apresentando um futebol melhor do que o adversário na maior parte do jogo, foi derrotado por 1 a 0 pelo Paraná Clube, na Vila Capanema, em Curitiba, resultado que aumenta e prolonga o sofrimento do torcedor que vê o Esquadrão assumir a vice-lanterna do Campeonato Brasileiro com os mesmos 8 pontos e ainda sem pontuar ou marcar gol como visitante, algo completamente vergonhoso.

Com a terceira derrota consecutiva, agora em confronto direto na briga contra a degola, o Tricolor Baiano assumiu a posição que era justamente do Paraná que, por sua vez, soma o segundo triunfo consecutivo e senta na cadeira que pertencia ao Bahia, em 18º com 9 pontos. Atlético-PR (17º com 9) e Ceará (lanterna com 4) completam a ZONA MALDITA.

Sem tempo para lamentar o novo tropeço, o Esquadrão retorna para Salvador e já inicia os trabalhos na sexta-feira visando o confronto de domingo (10/06) diante do Botafogo, às 16 horas, na Arena Fonte Nova. Já o Paraná vai até o Rio de Janeiro, onde enfrenta também no domingo o Flamengo – líder isolado do Brasileirão – no estádio do Maracanã.



O primeiro tempo foi movimentado e disputado na Vila Capanema. Apesar do Paraná ter tomado a iniciativa do jogo e, inclusive, ter carimbado a trave de Douglas, foi o Bahia quem criou as melhores oportunidades. O Esquadrão foi superior, controlou as ações da partida depois dos 20 minutos e levou perigo com Vinícius, Élber, Flávio e Zé Rafael, porém, esbarrou no goleiro Thiago Rodrigues que fez três boas defesas.

No segundo tempo o Bahia seguiu melhor e sufocando o time mandante nos minutos iniciais, porém, perdeu boas chances de balançar a rede e acabou sendo castigado aos 20 minutos com o gol do atacante Silvinho. Bastante desfalcado e atuando no 2º tempo com alguns atletas do “Sub-23”, o Esquadrão sentiu o baque e passou a ser pressionado pelo Paraná que ficou mais perto de marcar o segundo do que tomar o empate. Ainda assim, no ‘finzinho’ parou em nova defesa de Thiago Rodrigues.

Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. probate lawyer

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*