Bahia de Feira e Bahia farão amistoso para inaugurar a Arena Cajueiro

O clima no Bahia de Feira é de expectativa pela inauguração da bela Arena Cajueiro, novo estádio da equipe feirense, que já está praticamente pronto e será apresentado ao público em meados de abril, porém, só terá jogos oficiais do Tremendão a partir de 2019. No entanto, em abril acontece a estreia da nova Arena com um jogo amistoso. O presidente do Tremendão, Jodilton Souza, escolheu o Bahia como adversário para abrir com chave de ouro o que ele chama de “maior projeto na história do futebol da Bahia”.

“Quando contratamos a empresa que implantou a nossa grama, nós acrescentamos um valor para ter o selo de Gramado da FIFA. Então eles vão vir para dar o selo, porque aí eu posso participar de qualquer competição internacional. A nossa grama é 100% igual à do Atlético-PR, com o novo modelo de contrapiso que você dá por baixo da grama à base de casca de coco, que deixa a grama bem macia. Nós iremos inaugurar agora em meados de abril, vou ver a data disponível do Bahia que a gente vai fazer um amistoso”, afirmou Jodilton Souza.




O Bahia de Feira foi fundado em 2 de julho de 1937, e desde sua origem mandou partidas no Jóia da Princesa. O Joia com capacidade para mais de 15 mil pessoas, será substituído pela Arena Cajueiro com 3.500, recentemente no Campeonato Baiano o clube teve média de 1360 pessoas. Sendo que em três partidas o público não passou de 500 pessoas.

Também pesará na mudança do clube para Arena Cajueiro, a localização. O estádio está próximo a BR-324, e no fundo da faculdade no qual Jodilton é dono. Diferente do Jóia da Princesa, que é mais centralizado e mais fácil de chegar. Porém o Bahia de Feira pensa grande e quer ser grande com seu estádio.

Deixe seu comentário