Vergonhoso: Bahia tem o 2° pior ataque entre clubes da Série A

Edigar Junio, que terminou 2017 em alta, ainda não marcou em 2018

A insatisfação e a “corneta” da torcida do Bahia nesse início de ano tem explicação e, apesar de cedo para alguns, é aceitável. A desculpa da falta de treinamento e ritmo não colam, até aceitaríamos se os campeonatos disputados não fossem o decadente Campeonato Baiano e a Copa do Nordeste, ambos com adversários muito inferiores financeiramente e tecnicamente.

Após seis jogos disputados em 2018, quatro pelo Baiano e dois pelo Nordeste, os números do Bahia são preocupantes, especialmente no ataque que tem sido o principal problema do time tricolor na temporada. O Esquadrão só conseguiu balançar as redes em dois jogos dos SEIS jogados. Nos outros quatro, empatou em 0 a 0 duas vezes e perdeu outras duas por 1 a 0. Apenas nos triunfos sobre Jacuipense (2×1) e Altos (2×0) marcou gols. Pouco para quem investiu muito.

Entre os clubes da Série A, até então, o Bahia (que foi um dos que mais contratou e mais investiu) possui o segundo pior ataque, com apenas quatro gols marcados em seis jogos. O retrospecto tricolor é exatamente igual ao da Chapecoense, que também marcou apenas quatro gols, porém venceu três jogos. Só não é pior do que o Paraná que marcou 3 gols, porém, em 5 jogos.

O atacante Edigar Junio, que terminou 2017 em alta, como artilheiro do Tricolor no ano, com 15 gols em 40 jogos, começou 2018 com o pé esquerdo. No jogo de estreia contra o Botafogo-PB, perdeu um pênalti, e até o momento nada de bola na rede nos quatro jogos em que entrou em campo. Do setor de ataque, o único a marcar gol é o centroavante Kayke, e apenas um diante do Altos-PI.

Os jogos do Bahia em 2018:

Jacobina 0x0 – Baiano

Altos 0x2 Bahia – Nordeste

Bahia 0x0 Flu de Feira – Baiano

Bahia 2×1 Jacuipense – Baiano

Bahia-FS 1×0 Bahia – Baiano

Bahia 0x1 Botafogo-PB – Nordeste

Confira o ranking dos ataques mais positivos entre os times da Série A em 2018:

1º Vitória – 15 gols (6 jogos)

2º Ceará – 15 gols (8 jogos)

3º Vasco – 12 gols (5 jogos)

4º Palmeiras – 10 gol (5 jogos)

5º Cruzeiro – 9 gols (5 jogos)

6º Corinthians – 9 gols (5 jogos)

7º Internacional – 9 gols (6 jogos)

8º Santos – 7 gols (5 jogos)

9º Atlético/PR – 6 gols – (5 jogos)

10º América/MG – 6 gols – (5 jogos)

11º Atlético/MG – 6 gols – (5 jogos)

12º Grêmio – 6 gols – (5 jogos)

13º São Paulo – 6 gols – (6 jogos)

14º Flamengo – 5 gols – (5 jogos)

15º Botafogo – 5 gols – (5 jogos)

16º Sport – 5 gols – (5 jogos)

17º Fluminense – 5 gols – (6 jogos)

18º Chapecoense – 4 gols (6 jogos)

Bahia – 4 gols (6 jogos)

20º Paraná – 3 gols (5 jogos)

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*