Novo presidente do Bahia toma posse nesta segunda-feira

Após a sua eleição nada foi somado ao Bahia, ao contrário

O Esporte Clube Bahia agora governado por Guilherme Bellintani ainda não entrou em campo, até por que o homem não assumiu seu posto, fato que acontece hoje às 18h em cerimônia de posse na Arena Fonte Nova, às 18h30, aliás, uma formalidade que poderia até ser dispensada.

Espera-se que logo depois da posse ou no dias subseqüentes informações da formatação do Bahia em 2018, especialmente a definição da renovação ou não do contrato do técnico Paulo César Carpegiani. E o nome de Guto Ferreira seja sepultado ou ressuscitado de uma vez.  Particularmente, acredito que a volta do técnico anterior seria um passo atrás.

Após a sua eleição nada foi somado ao Bahia, ao contrário, perdeu o diretor-financeiro Marcelo Barros, que exerceu a função nos últimos três anos: Saiu por vontade própria inicialmente, mas é desconhecido qual seria a posição da nova direção sobre a sua manutenção ou não.

Outro que saiu foi Jorge Avancini que respondia pela “pasta” da direção de mercado do clube. Nenhum deles teve seus substitutos anunciados, se é que os postos serão repostos.

Por fim, o auxiliar Preto Casagrande que deixou o clube no último sábado e existem especulações que o também auxiliar Maurício Copertino, será convidado a se retirar, deixando no ar sérias desconfianças que o técnico Paulo César Carpegiani não será chamado para conversar.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*