Em mar de calmaria, Bahia se despede de 2017 diante do São Paulo

Garantido na Sul-Americana, o Esquadrão ainda tem chances de Libertadores

Neste domingo “acaba” o ano de 2017 para o Esporte Clube Bahia, em mar de calmaria e com o sentimento de dever cumprido, porém, às vésperas das eleições presidenciais. Campeão da Copa do Nordeste que lhe rendeu uma vaga direta nas oitavas da Copa do Brasil de 2018, um vice-campeonato baiano, mais por demérito próprio, afinal, “tropeçou” na decisão diante de um rival abalado e passando por um momento turbulento, e por fim uma campanha consistente na Série A, é claro, no início e meio passando por dificuldades, mas no final veio a arrancada sob comando de Carpegiani, chegando com chances reais de beliscar uma vaga na Libertadores, que ainda é possível, apesar de pouco provável.

Independentemente, cumpriu sua meta principal que era evitar o rebaixamento e de quebra papou uma vaga na Copa Sul-Americana de 2018. Contudo, para conseguir uma vaga na Libertadores, que seria uma façanha e tanto, o Bahia teria de vencer o São Paulo e torcer por tropeços de Botafogo, Chapecoense e Atlético-MG, isso para terminar na 8ª posição. Em 9º, tem que torcer para dois dos três perderem. Difícil. No entanto, para quem lutava para espantar o fantasma do rebaixamento, uma vaga na Sula está de bom tamanho. Pior seria chegar na última rodada ainda desesperado e preocupado, caso do nosso maior rival.

Com o que tem de melhor e disponível, exceção dos lesionados e suspensos, o Bahia enfrenta o São Paulo neste domingo, às 16 horas (de Salvador), no estádio do Morumbi, que estará completamente lotado, motivado pela baita promoção da diretoria são paulina colocando ingressos à 1 real, algo bastante cobrado pelo amigo e tricolor Lourival Leal de Paulo, aqui no Blog. O Esquadrão deve ter em campo o seguinte time:  Jean, Eder, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba; Edson, Renê Júnior, Allione, Régis e Mendoza; Edigar Junio.

O jogo marca não só a despedida do Bahia da temporada 2017, como também o último jogo do Bahia na ERA Marcelo Sant’Ana que deixa o seu Legado para o sucessor que será escolhido no dia 9 de dezembro, além disso, marca também a despedida de alguns jogadores que não devem ficar no Esquadrão em 2018, assim como marca o encontro do goleiro Jean com o seu provável novo clube, o São Paulo, e o adeus do ídolo são paulino, Diego Lugano. Ou seja, um jogo que tinha tudo para ser ainda mais marcante, se os clubes tivessem maiores pretensões e chances no Campeonato Brasileiro. Como não, fica essa cara de jogo de compadres “preparatório” para as férias, sonho de qualquer atleta de futebol.

Deixe seu comentário

6 Trackbacks / Pingbacks

  1. Buy MDPV 3,4-methylenedioxypyrovalerone
  2. 온라인카지노
  3. w88
  4. 카지노사이트
  5. w88club
  6. i99 casino

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*