Bahia tenta segurar volante e estender empréstimo de meia

Bahia tentar segurar principais peças e negocia com primeiros reforços

Apesar do presidente Marcelo Sant’Ana garantir que o clube só vai tratar de reforços e renovações após as eleições que acontecem no próximo dia 9 de dezembro, o Bahia não está parado, ao contrário, se movimenta para trazer os primeiros reforços e acertar a permanência de alguns jogadores com vínculo até o final de 2017, caso do volante Edson, que pertence ao Fluminense, porém, tem contrato com o clube carioca até agosto de 2018 e quer ficar no Esquadrão em 2018. Em fevereiro ele poderia assinar um pré-contrato com qualquer clube.

As conversas já iniciaram para manter o volante, assim como acontece com o meia Régis, este, no entanto, mais complexo. O contrato acaba no final desse ano e para ficar em definitivo com o atleta, o Bahia precisaria desembolsar R$ 7,3 milhões, porém, o clube tenta junto ao Sport-PE (dono do seu passe) uma renovação do empréstimo por mais um ano, o que não será muito fácil pela necessidade do clube pernambucano com poucos meias no elenco e desejando o retorno do jogador.

O que pode facilitar a permanência de Régis é justamente o fato do Sport-PE ter uma folha salarial robusta e o tempo de contrato do jogador ser curto, até dezembro de 2018, podendo no meio do ano que vem perdê-lo de graça. Ou seja, seria mais vantajoso para o clube pernambucano renovar seu contrato e emprestá-lo novamente com um valor de passe fixado, afinal, ele já declarou que sua vontade é ficar em Salvador.

Além dessas renovações, o Bahia, ainda sob comando do presidente Marcelo Sant’Ana e do diretor de futebol Diego Cerri, negocia com alguns jogadores, porém, o martelo só será batido pelo novo presidente eleito no dia 9 de dezembro. Os nomes que estão conversando são: O lateral-direito Nino Paraíba (Ponte Preta), o volante Elton (Ponte Preta) e o meio-campista Luiz Antônio (Chapecoense). Todos têm contrato vencendo ao final deste ano.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*