Wellington Paulista volta a Chapecoense contra o Bahia

Adversário do Bahia no próximo Domingo, a Chapecoense assim como o Bahia, matematicamente ainda tem chances de avançar à Libertadores da América. No entanto, ambos já estão no estagio do lucro, garantidos na Série A no próximo ano e com possibilidades reais de participação na Copa Sul-Americana.

O time treinado pelo até então invicto Gilson Kleina, desembarca em Salvador neste sábado trazendo três desfalques, um retorno e e na sacola uma invencibilidade de oito jogos. Não perdendo para o Bahia na Fonte Nova conquistará a maior marca na história do clube: 9 jogos sem derrotas no Campeonato Brasileiro da Série A.

Os desfalques são o atacante Arthur Caike e o zagueiro Fabrício Bruno ambos suspensos, além deles, o volante Moisés Ribeiro foi vetado pelo departamento médico do clube. Em contrapartida, o treinador terá a volta do atacante Wellington Paulista, que cumpriu suspensão, recolocando Túlio de Melo outra vez para o banco de reserva.

Sem muitas opções e mantendo da política de poucas alterações do técnico Gilson Kleina, o time deve formar com: Jandrei; Apodi, Douglas, Fabrício Bruno (Douglas Grolli) e Reinaldo; Amaral, Moisés Ribeiro (Elicarlos), Canteros, Luiz Antônio e João Pedro; Wellington Paulista.

 

Bahia x Chapecoense: “Bahia não tem nada a perder” diz Thiago