Eleições no Bahia: Ainda prefiro Marcelo Sant’Ana

Bom, dos nomes que figuram na lista de prováveis candidatos à presidência do Esporte Clube Bahia, prefiro a reeleição de Marcelo Santana, sem dúvida alguma.

1) Antônio Tillemont:
Nunca me passou confiança, não sei se pela falta de carisma, ou pelas respostas debates promovidos por um programa na bandeirantes.

2) Guilherme Bellintani:
Tá mais para buscar ser vice-prefeito do que presidente do Esquadrão.

3) Abílio Freire de Miranda Neto:
Ainda que apenas um acusado, definitivamente não passa confiança para a gestão no cargo.

4) Ricardo Maracajá:
Acho que caiu de paraquedas pela fama do avô e digam o que disser.

Resumo da Ópera:

Marcelo Santana é um excelente gestor fora de campo, que vem amadurecendo no cargo, superou as expectativas iniciais, mas também decepcionou em alguns aspectos como a tal “campanha segura”.

Uns vão dizer “Ah! mas o Bahia raramente esteve na zona”. Mas campanha segura, o time não vai para zona, fica ali como o Botafogo (sem jogadores “estrelas”) por exemplo, Flamengo… É brigar pela Libertadores, Sul-Americana, e não brigar para permanecer na Série A.

Acho que no bom baianês, Marcelo Santana tem cara de “menino amarelo”, tem um discurso por vezes repetitivo, mas não é ele quem bota a camisa e joga. Fomos bastante prejudicados com a saída de Guto Ferreira – lembro que muitos corneteiros falavam mal dele – porém meus amigos, razoável com ele, pior sem ele.

Além da péssima contratação de Jorginho como técnico, e com a “aposta” em Preto Casagrande, mantido como experiência por muitos jogos, como negativo na conta do Marcelo Santana.

Obs:
Ainda acho que o técnico poderia ser Sérgio Soares, ou ter contratado Mancini (conheci jogador dele que falou que ele inventa muito) antes do rival, mas vamos esperar que Carpegiani dê certo.

Menos politicagem, mais amor e racionalidade para o bem do nosso Bahia!

BBMP!

Tricolor 87, torcedor do Bahia e amigo do BLOG.