Manifesto de repúdio da torcida do Esporte Clube Vitória

MAL PLANEJADA. DESRESPEITOSA. LAMENTÁVEL. Essas são algumas das palavras para representar a última decisão de alterar a data da Assembleia Geral Extraordinária do Vitória, que promoverá a tão aguardada reforma do Estatuto.

É a segunda vez que ocorre a mudança. Primeiro, de 25 de março para 08 de abril. A justificativa foi não atropelar o processo democrático – havia o Carnaval neste meio tempo – e permitir a Comissão de Reforma trabalhar a contento. Ora, o Carnaval não surgiu em 2017. Já era sabido há muito tempo o período da sua realização. Críticas foram feitas ao presidente do Conselho Deliberativo, Paulo Catharino Gordilho Filho. Ele respondeu com pedidos de desculpas e com a promessa de que nova marcação apressada e mal planejada não ocorreria.

Agora, a AGE passa de 08 de abril para 02 de abril. A justificativa é que estaremos em semana de BaVi. A data do clássico já era conhecida desde 22 de dezembro de 2016, muito antes da primeira alteração da data da AGE! Só agora perceberam isso? E a possibilidade de a equipe treinar em Pituaçu? E de treinar de manhã e realizar a AGE à tarde? Nada disso atende? E quanto à data de 2 de abril, poderá chocar com jogo das quartas-de-final da Copa do Nordeste, pois é plenamente possível que as discussões, agora agendadas para iniciar às 8h (sabe-se lá até quando), durem mais do que uma manhã.

O DESRESPEITO com sócios e conselheiros que residem fora de Salvador é claro e notório. Muitos caminharam juntos nesta jornada pela democracia no Vitória e agora são vetados por uma decisão que não teve o menor cuidado.

Porém, esta decisão afeta a todos os sócios. Todos possuem suas programações, viagens, família, trabalho, e não podem ser obrigados a modificar suas agendas e pautar suas vidas a cada mudança de data da AGE.

À época da campanha eleitoral, várias foram as promessas de atenção e valorização aos sócios de fora de Salvador. Uma das defesas da Rede Vitória Sem Fronteiras – apoiada pela chapa vencedora Vitória do Torcedor – foi a possibilidade do voto pela internet. No projeto da reforma, apresentado pela Comissão, o voto pela internet não constava. Agora, além dos líderes da chapa não cumprirem com a palavra da campanha, a emenda ficará sem defesa dos seus autores na Assembleia!

Após duas mudanças de data, a AGE corre sério risco de ESVAZIAMENTO! UM PREJUÍZO INCALCULÁVEL PARA A DEMOCRACIA!

Os anos brigando pela aproximação do torcedor com o clube não se refletem em atitudes como essa.

MAL PLANEJADA. DESRESPEITOSA. LAMENTÁVEL.

Por isso, pedimos a RECONSIDERAÇÃO da decisão de alterar a data da AGE, mantendo-a no dia 08 DE ABRIL DE 2017.

Rede Vitória Sem Fronteiras

(Conselheiros do Esporte Clube Vitória abaixo relacionados)

Adson Silva Marques

Alisson Santos Barbosa

Ana Paula Pinheiro R. de Mattos

André Luiz Bohana Ferreira

Antemar Campos Garcia

Barbara Tereza Chagas Ribeiro

Carlos Eduardo Carballo Gonzalez

Carlos Eduardo da Silva Assis

Carlos Hamilton de Moura Pinho

Cesar Chammas Dau

Cid Jorge Freitas Lima

Claudio José Mascarenhas Ferreira

Cláudio Santos Barbosa

Cléber Santos Barbosa

Diego Brito Medrado

Edson de Sant’Ana

Erika Maria Ribeiro Souza

Fábio Oliveira Spínola

Fábio Rios Mota

Fernando Tolentino de Sousa Vieira

Francisco dos Santos La Torre

Franklin de Oliveira Brito

Gabriel Dantas dos Santos

Gustavo Cajui Moral Campos

Hugo Mattos de Carvalho

Irlan Simões da Cruz Santos

Jean Davi Rego Gerbase

Jonas Grisente dos Reis da Costa

José Adauto Oliveira de Menezes Júnior

José Armando Fraga Diniz Guerra

José Luís dos Santos Evangelista

Juliana Santos Malhado Silva

Liana Chagas Ribeiro Leite

Lilian Silva Garrido

Lucas Ladeira Reis

Marcelo Reis de Jesus

Max Rangel das Neves

Michel Angelo Almeida de Lima

Osmar Leonardo de Queiroz

Otávio Alvares de Almeida Filho

Pedro Paulo Ribeiro de Oliveira

Rafael Barbosa de Carvalho Figueiredo

Ricardo Santos Pereira

Robert Luis Costa Santos

Rodrigo Cunha Magalhães

Rogério de Sousa Pereira

Simão Oliveira de Carvalho

Thaís de Barros Silvany de Andrade

Thiago Matos de Souza

Tiago Ferreira Bittencourt

Tiago Santana Campello Ribeiro

Vianei Bezerra Siqueira

Vinicius César Mendes Barros

Vinicius de Santana Santos

Vinicius Viana dos Santos

Walter Augusto Chagas Ribeiro Leite