Contratar o técnico do Bahia é burrice sem tamanho.

Se a possibilidade da saída do técnico Guto Ferreira em direção ao Corinthians não preocupa de forma importante aos torcedores do Bahia, a sua suposta chegada ao timão, incomoda segmentos da torcida do Corinthians que não reconhecem qualidades no técnico tricolor para assumir o posto no afamado do Parque São Jorge. Segundo alguns, Guto Ferreira não tem “calibre” para comandar um clube do tamanho do Corinthians. E vão além quando dizem: “Se for para mudar, que seja para mudar para melhor”

Veja ai

Eu juro que eu tento. De verdade, eu tento entender, mas não consigo. O que passa na cabeça dos diretores responsáveis pelo planejamento do Corinthians? Achei que já havíamos chegado ao ápice da ignorância de trazer Oswaldo de Oliveira, que brigava contra o rebaixamento no Sport, mas agora um dos nomes mais fortes para assumir o posto de Oswaldinho é o de Guto Ferreira. Nada contra o treinador, mas vocês realmente acham que ele é um técnico com calibre para assumir um clube do tamanho do Corinthians? Não estaremos trocando seis por meia dúzia?

Os defensores de Guto podem citar sua boa campanha pelo Bahia nesse ano, que resultou no acesso do tricolor baiano para a Série A. Mas muita calma! Uma coisa é treinar o Bahia, que não apresenta a mesma pressão que existe no Corinthians. Guto Ferreira é o típico treinador, assim como Oswaldo, que com uma sequência negativa de algumas derrotas será brevemente fritado pela torcida e pelos bastidores.

Por mais absurdo que soe o que vou dizer, acredito que, se for para demitir Oswaldo e trazer Guto, é melhor deixar Oswaldinho no cargo. Se for para mudar, que seja para mudar para melhor. Não vejo o treinador do Bahia muito à frente de nosso técnico atual. Ambos são medianos, sem cancha para dirigir o Corinthians. Agora é o momento em que você se pergunta: “Ok, Guto Ferreira, não, então quem?”.

Realmente, perdemos diversas oportunidades no mercado quando apostamos em Oswaldo. Assistimos à negociação de Roger Machado com o Atlético-MG, Abel Braga com o Flu e o próprio Mano Menezes, que já está há algum tempo no Cruzeiro. Mas existem alguns outros profissionais que agradam mais do que o de Guto.

Osmar Loss, treinador da categoria de base do Corinthians, é o nome que mais me agrada. Já não é de hoje que faz bons trabalhos com a molecada e parece ser um cara que não tem medo de desafios. O próprio Carille, que comandou a equipe em alguns jogos no Brasileirão desse ano, poderia ser melhor do que Oswaldo e Guto. Ao menos Carille manteve muitos fundamentos de Tite enquanto esteve no comando do Corinthians. Fernando Diniz também seria uma boa aposta, já que apresentou um trabalho totalmente inovador no Audax e no Oeste, com uma equipe limitada em suas mãos.

Faço uma súplica, mesmo que seja em vão, aos dirigentes corintianos. Principalmente ao presidente Roberto de Andrade: pensem bem. Já erramos de forma grotesca trazendo Cristóvão Borges e Oswaldo. Persistir nos erros é uma burrice sem tamanho.

João Gonzales, do Paixão Maloqueira

Deixe seu comentário

1 Comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. https://pisaniepraconline.edu.pl/
  2. w88

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*