E.C Bahia corre atrás dos reforços para 2016

Após finalmente contratar o tão aguardado treinador, que era o passo inicial antes da montagem do elenco, o Bahia deve ir ao mercado em busca de reforços para 2016. O novo comandante, anunciado nesta quarta-feira, disse que participará ao lado do presidente Marcelo Sant’Ana e do diretor de futebol Nei Pandolfo da montagem do elenco que vai disputar o Campeonato Baiano, a Copa do Nordeste, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série B.

Na sua primeira entrevista como treinador do Bahia, Doriva disse que o clube tem que correr contra o tempo para montar um time forte com competência alcançar os objetivos, segundo o próprio, o maior deles levar o Esquadrão à elite do futebol brasileiro. O novo comandante não deixou de demonstrar a alegria em estar à frente de um clube de tamanha tradição, citou os projetos discutidos com a diretoria e explicou a fama de retranqueiro.  


VEJA A ENTREVISTA COMPLETA:

REFORÇOS

“Falamos sobre alguns nomes. Vou estar indo para a Bahia na segunda-feira para que a gente possa alinhar os pensamentos com Nei (Pandolfo). Temos que sair na frente para contar com os jogadores que queremos desde o inicio do trabalho. Temos objetivos importantes a cumprir e precisamos ter um time forte para cumprir esses objetivos”, disse.

SATISFAÇÃO

“Uma grande alegria, uma grande satisfação poder estar a frente de um clube dessa grandeza. O Bahia é bicampeão brasileiro, clube grande, clube de Série A, então para mim está sendo uma alegria, um desafio, fazer de tudo para que esse clube possa voltar à Série A.” 

FAMA DE RETRANQUEIRO

“Temos que estar bem preparado para defender bem para surpreender os adversário. Gosto do futebol bem jogado, que propõe o jogo que o time tome a iniciativa sempre. Temos que ter essa mentalidade dentro do Bahia. Temos uma torcida imensa, tem que ser um clube que jogue, tome iniciativa. Essa é minha ideia de dirigir o Bahia, para que a gente tenha uma equipe bem equilibrada.”

PROJETOS

“A gente conversou um pouco sobre o clube, falamos sobre os projetos, sobre os desafios e com certeza falamos sobre alguns nomes. Vou estar indo para a Bahia na segunda-feira para podermos sentar e alinhar os pensamentos com o Nei Pandolfo para que a gente possa buscar os atletas ideais para o nosso trabalho. A intenção é iniciar o trabalho com esses atletas”, disse Doriva.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*