Torcedor do Vitória escreve carta ao presidente do Bahia

Salve, Salve amada Nação Rubro-Negra!

Depois de mais um infortúnio seguido do Vitória de Alexi Portela, Mocota resolveu escrever uma carta. Porém, esta carta não será destinada aos donos do Vitória, e sim, ao Presidente eleito de forma democrática no Esporte Clube Bahia, Marcelo Sant’Ana.

Válido lembrar, que para Alexi Portela, quem é eleito desta forma é aventureiro. Então vamos qualificar assim (respeitosamente) o Presidente do Esporte Clube Bahia.

“Reino do Leão, 13 de abril de 2015.
Prezado aventureiro Marcelo Sant’Ana.
Primeiramente, Mocota gostaria de parabenizar pela vitória alcançada nas eleições de dezembro de 2014 e o trabalho democrático que vem sendo realizado na instituição que o senhor dirige.

Mocota sabe o quanto a nação tricolor sofreu durante mais de 10 anos nas mãos dos ditadores Marcelo Guimarães Pai e Marcelo Guimarães Filho.

Naquele tempo, Mocota tinha o costume de apostar nos BaxVi’s no Vitória e ainda dava o empate aos amigos tricolores.

Naquele tempo, Mocota viu Binha de São Caetano chorando desesperadamente para o Bahia voltar para a Serie B depois de passar uma cara na Serie C.

Naquele tempo, Mocota sabia que toda tragédia tricolor não era culpa da sua imensa torcida, e sim, de um punhado de conselheiros que diziam amém para os sucessivos infortúnios seguidos de Marcelo Pai e Marcelo Filho.

Já não bastasse um monte de conselheiras traíras que trabalhavam em causa própria, e não a favor da instituição, ainda existia uma imprensa jabazeira que recebia jabá (que redundância!) para blindar os erros dos Marcelos Tiranos, vendendo a ilusão que o Bahia iria melhorar após fazer novas contratações e desta forma a torcida deveria encher a Fonte Nova ou Pituaçu.

O tempo passava e o Bahia não melhorava. O que vimos é que a torcida do Bahia quando estava muito chateada fez movimento nas ruas, protestou nas rádios e redes sociais. Mas, o que adiantou? Nada! A imprensa jabazeira fazia lavagem cerebral e a torcida na maioria dos jogos enchia os estádios e inocentemente dizia: “Sim. Nós aprovamos o trabalho dos donos do Bahia.”

Vários infortúnios seguidos não foram suficientes para derrubar o “Bahia dos Marcelos”.

A democracia Tricolor só veio depois que Marcelo Filho empolgado com o poder que um clube de futebol oferece, resolveu falar mal da primeira dama do Estado. Caso contrário, até hoje, o Bahia ainda estaria sem expectativa nenhuma de futuro.

Hoje, o que sabemos é que a torcida do Bahia tem o direito de sonhar com um clube muito melhor devido ao fato de um aventureiro ter assumido a presidência de forma democrática e este aventureiro colocou os anseios da torcida em primeiro plano.

Mas prezado Marcelo Sant’Ana, não sonhe que o senhor vai ter a moleza de dirigir um clube sem concorrência na Bahia por muito tempo. Sabe por que? Por que toda vez que o senhor escutar Alexi Portela declarando que tem medo de algum aventureiro assumir o Vitória, ele não estará se referindo a Paulo Carneiro.

Derrubar Paulo Carneiro é fácil. Basta os jabazeiros de Alexi Portela lembrar a toda hora que PC deixou o clube falido na Serie C, deu empurrão em profissional da imprensa, pediu R$ 10 Milhões na justiça contra o Vitória, foi diretor e vestiu a camisa do Bahia, como diretor de futebol não emplacou em nenhum clube…

Se o senhor não sabe, quando Alexi Portela fala em aventureiro e tem medo da democracia ele está declarando que tem medo do grupo de Mocota assumir a presidência do Vitória.

Esse “fantasma” passou a perseguir Alexi Portela, desde quando o projeto do grupo de Mocota obteve mais de 20% da preferencia da torcida leonina em uma enquete lançada em um site Rubro-Negro de grande acesso em 2013.

Marcelo Sant’Ana! O grupo de Mocota tem um projeto consolidado que pretende colocar o Vitória, num futuro breve, em condições de igualde com relação ao Atlético-MG, Cruzeiro, Grêmio ou Internacional. Já o Vitória de Alexi não tem nada para apresentar. Por isso eles morrem de medo da democracia e perder consequentemente o poder.

Marcelo Sant’Ana! Porém, mesmo contra a vontade de Alexi Portela, em breve, e através do voto sócios, existirá uma pessoa do grupo de Mocota na presidência do Vitória. Isso por que a torcida do Vitória é esperta e não mais pisará no Barradão até os sócios poderem votar.

Nós não somos ingênuos de frequentar o Barradão e desta forma indiretamente dizer: “Sim. A torcida aprova os infortúnios seguidos de Alexi Portela e seus aliados.”

Marcelo Sant’Ana! Quando a democracia chegar ao Vitória, com aprovação da maioria dos sócios, o Vitória mudará de Canabrava e passará a explorar turismo, eventos e jogos na Paralela.

O Barradão será transformado no POSAC (Parque Olímpico Sócio Ambiental de Canabrava). Esse projeto além de formar diversos atletas olímpicos em Salvador trará atendimento médico e cursos profissionalizantes para os moradores de Canabrava, além de atrair grandes investimentos multinacionais para o Esporte Clube Vitória.

Com a ida do Vitória para a Paralela o clube conseguirá triplicar suas receitas, arrecadando tanto ou mais que o Atlético-MG, Cruzeiro, Grêmio ou Internacional. Já que iremos faturar tanto ou mais que estas equipes, montaremos equipes tão competitivas quanto as deles.

Anote aí Marcelo Sant’Ana! Quando um dos aventureiros do grupo de Mocota assumir a presidência do Vitória, BaxVi para o Leão não será mais clássico, e sim, jogo-treino.

Quer um conselho Marcelo Sant’Ana?

Compre muitas velas e torça todos os dias para o Vitória de Alexi Portela existir por muito tempo. Pois quando a torcida do Vitória construir um NOVO VITÓRIA na Paralela e a artilharia para conquistar a AMÉRICA e o MUNDO for pesada, sua tranquilidade como presidente do Bahia vai acabar.

Aventureiro tricolor Marcelo Sant’Ana, parabéns pelo trabalho sério e frutífero.

Att,
Aventureiro Rubro-Negro Jhansem Mocota.
Eleições Diretas em 2016.
Avante Leão!

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*