Jacuipense 2 x 1 Bahia: técnico Sérgio Soares explica

Inicio de temporada, falta de treinamentos, jogadores que não
se conhecem, falta de condicionamento físico e outras explicações do tipo, 
tem sido palavras constantes no vocabulário do técnico Sérgio Soares tentando
abrandar ou até explicar a falta de bom futebol do Bahia na atual temporada.

Hoje ao final do jogo e derrota para a Jacuipense, o técnico tricolor, disse o
obvio: não gostou do resultado, mas afinal, que teria gostado além dos
jogadores do adversário? No entanto, o técnico foi pontual e exato: FALTOU
pegada no Bahia no primeiro, acrescento, falta firmeza de propósito para ir
buscar o resultado, além disso, a utilização de atletas das divisões de base,
tem um preço e a torcida do Bahia precisa apreender a pagar.

Veja o disse Sérgio Soares. 

 
“Tivemos um primeiro tempo sem pegada, apesar de vencermos a primeira etapa não
foi o que eu queria. Erramos muitos passes, sem dar sequência na jogada e não
me agradou. No começou do segundo tempo fomos penalizados por dois gols de bola
parada. Criamos situações, poderíamos ter feito um gol, mas está longe daquilo
que a gente quer, temos que trabalhar com mais qualidade, volume de jogo e hoje
não fizemos”, resumiu o treinador.

“Fisicamente o Bahia está bem, mas a equipe está se ajustando. Tivemos três
semanas para trabalhar, mas a equipe está se formando. A gente trabalhou com um
time com Willians Santana e Railan, mas a equipe está se ajustando com
desfalques, o que é normal no começo de trabalho”, completou.


“Não podemos responsabilizar a dupla de zaga, todos nós
temos que nos responsabilizarmos. A culpa não cai para a zaga, no meu grupo de
trabalho a culpa é de todos”, encerrou Sérgio Soares.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*