Vitória terá desfalque e estréia contra o Moto-Clube

Mansur passou a ser dúvida para jogar contra o Moto Clube, neste domingo, às 16 horas (horário em Salvador), no encerramento da Supercopa do Maranhão, no Estádio Castelão, em São Luís. Reclamando de cansaço muscular, o lateral-esquerdo não participou do treinamento tático na manhã deste sábado e será avaliado no domingo, pelo médico Luís Filipe Fernandes.

Para a disputa do terceiro lugar do torneio promovido e coordenado pela Federação Maranhense de Futebol, o Vitória terá duas novidades: sai Gustavo , entra Fernando Miguel no gol e, no meio-campo, o volante Amaral fará sua estreia, substituindo Gabriel Soares. 
Na impossibilidade de contar com Mansur, o técnico Ricardo Drubscky treinou Euller, no trabalho realizado no campo do Grêmio Cultural Esportivo Leão Dourado, em Araçagy, em São José de Ribamar, Grande São Luís.

As mudanças estavam previstas pelo técnico, que está em fase de observação e montagem do time para a largada do Campeonato Baiano, dia 1º de fevereiro, contra o Bahia de Feira, às 18h30, no Barradão. Drubscky lamenta não estar podendo contar com o meia Leilson, o volante Neto Coruja e os atacantes Rogério e Neto Baiano, que ficaram em Salvador.

No trabalho tático deste sábado, dividido em dois tempos, Drubscky procurou compactar mais o time, exigiu velocidade na transição defesa, meio-campo e ataque, e toque de bola.

Após a atividade tática, todos os jogadores cobraram três pênaltis, pois a decisão do terceiro lugar, em caso de empate nos 90 minutos, será através da cobrança de tiro livre da marca do pênalti.

Mansur correu em torno do campo e depois fez uma sessão de alongamento com o fisiologista Valter Abrantes. Os goleiros Gustavo e Fernando Miguel, antes do treino tático, participaram de uma atividade com o preparador Washington Rufino.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*