Crescimento financeiro da dupla Bahia e Vitória

O ano de 2014 foi marcado pela divulgação de estudos e pesquisas acerca de diversos segmentos dos clubes do Futebol Brasileiro e, para finalizar o ano,  a Pluri Consultoria realizou um estudo, que calculou a evolução da situação financeira dos 30 clubes de maiores ganhos do país, utilizando os balanços do ano de 2013.

Chapecoense lidera o ranking, com um índice de crescimento de 6,90. O Flamengo foi o segundo colocado no ranking. O Rubro-Negro apresentou o maior crescimento em relação ao ano passado, pulando do índice de 4,62 para 6,39, uma variação de 38%.  O São Paulo aparece na terceira posição. O Tricolor subiu apenas uma posição em relação ao ano anterior, mas melhorou seu índice em 10%, saindo de 5,71 e chegando a 6,29. Em relação aos clubes baianos, o Vitória é o 21º colocado, enquanto o Bahia é 27º, superando apenas Guarani, Figuierense e Portuguesa.

– Este índice é calculado com base nos seguintes itens: Variação do Ativo Total, Variação do Ativo Imobilizado, Variação do Endividamento Líquido, Variação do Patrimônio Líquido, Variação da Receita Bruta Total, Variação da Receita (sem incluir venda de Atletas), Variação do Resultado Financeiro Líquido, Variação do Resultado líquido do Exercício, Variação do Índice Liquidez Geral, Variação do Índice Liquidez Corrente, Variação da Necessidade de Capital de Giro, Variação da Alavancagem de Recursos Próprios, Variação do Endividamento Geral, Variação do Índice Participação do Capital de Terceiros, Variação da Composição do Endividamento, Variação do Índice de Endividamento/Receitas Anuais e Variação do Custo aparente das dívidas.

Deixe seu comentário