Caso JABÁ. Bahia se livra de um problema

E o Esporte Clube Bahia segue se livrando dos problemas. Na semana passada o clube obteve sucesso na justiça trabalhista, na ação movida Sacha Mamede, ex-vice-presidente de marketing do clube, que tentava arrancar R$ 500 mil do já combalido Bahia. Outro que pediu indenização e fracassou foi o radialista Salomão Batista, ainda na famosa lista do JABA.

Em sentença proferida pela Juíza Maria Mercês Neves, tanto o clube quanto o Presidente Fernando Schmidt e seu Assessor especial, Sidônio Palmeira, foram considerados inocentes na ação movida pelo radialista, que alegava danos morais por ter seu nome citado na relação de profissionais que receberam passagens aéreas pelo clube, na gestão destituída de Marcelo Guimarães Filho. Segundo ela, não há razões para se pedir indenização por danos morais. O processo foi arquivado. Menos um.

Deixe seu comentário

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. ww88
  2. w88th

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*