Jogadores do Bahia lamentam desclassificação

O Esporte Clube Bahia ontem à noite, fez exatamente o possível e até surpreendeu já nem mesmo acreditava em um triunfo simples. Mas venceu, aqueles que atuaram mostraram grande comprometimento e a bola agora precisa ser chutada pela frente. Já era, se foi, afinal antes mesmo do início da Copa do Brasil sabíamos que teríamos certo limite e ele chegou nesta noite. O bom desta história é o fim do incomodo jejum de nove jogos sem ganhar de ninguém. Foi quebrado e agora é torcer e esperar que seja o início de uma nova jornada respeitável e isto, significa encontrar um lugar na tabela de pontuação que acomode o tricolor como à torcida merece.

Depois do jogo, os jogadores lamentaram a desclassificação, mas todos estavam cientes que o problema era grande demais para ser resolvido.

“Nosso primeiro intuito era quebrar esse jejum de empates e derrotas. O time está de parabéns, houve uma evolução muito grande. Não faltou empenho e dedicação e a torcida reconheceu isso. Infelizmente não conseguimos a classificação, mas o espírito foi outro, e agora é manter isso para nos recuperarmos no Brasileiro”, disse o zagueiro Démerson.

Já Rafael Miranda ressaltou que o Bahia poderia até ter conseguido a classificação caso tivesse conseguido manter o ritmo do primeiro tempo.

“Fizemos um primeiro tempo de alto nível. No segundo sentimos a falta de ritmo da maioria dos jogadores… Se tivéssemos mantido o ritmo poderíamos ter feito o segundo e até buscado a classificação”, analisou o meio-campista.

Veja também

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*