Garra do Bahia garante triunfo na Fonte Nova

O Bahia voltou a vencer na Fonte Nova em um jogo emocionante onde três fatores foram decisivos para o sucesso tricolor: A força do torcedor nas arquibancadas, a entrega dos jogadores em campo e o faro de gol do atacante Fernandão. O tricolor venceu a Lusa pela contagem mínima, foi a 45 pontos e respira aliviado no Brasileirão.

O triunfo não foi suficiente para livrar o esquadrão matematicamente do risco de descenso, mas o tricolor conseguiu pular três posições na tábua de classificação, aumentando a pressão sobre seus concorrentes: Portuguesa, Crisciúma, Fluminense, Coritiba e Vasco. Agora, o Bahia depende apenas de si mesmo para permanecer na série A do Brasileirão, e ainda terá um confronto direto contra um de seus concorrentes, o Fluminense, jogando dentro da Arena Fonte Nova, na última rodada.

Não foi um jogo tecnicamente prazeroso, mas a garra dos jogadores de camisa azul, vermelho e branco contagiou o torcedor, que acompanhou cada lance, jogando com o time. E a massa vibrou muito quando Wallison cruzou rasteiro para Fernandão completar para os fundos das redes, aos 44 minutos do primeiro tempo. Aos gritos de “Xalaialaialaialaô, sou Tricolor”, o torcedor deixou o estádio feliz e aliviado.

O próximo compromisso do tricolor é em Minas Gerais, contra o campeão Cruzeiro. O jogo promete ser tenso e envolvido de polêmicas, já que Julio Batista apareceu em vídeo suspeito, fazendo os telespectadores da TV entenderem que o Cruzeiro facilitou o jogo para o Vasco no último sábado. Se favoreceu ou não, o tricolor terá que tentar pelo menos um empate para afastar de vez o risco de rebaixamento. 

Vinicius Sampaio

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*