Vitória x Botafogo-RJ: Maxi Biancucchi retorna

Perto do G4, mas não distante da zona de rebaixamento, essa é a situação do Esporte Clube Vitória, mas nem por isto deixa de ser uma situação confortável e está dentro, e um pouco além, daquilo que se esperava de um time recém promovido para Série A e inserido em uma região de menor desenvolvimento econômico. Montar um time com um orçamento infinitamente inferior do que o da grande maioria e, ainda assim, acreditar que pode conquistar títulos ou até mesmo vaga para Taça Libertadores, é um direito mas que, no entanto, bate frontalmente de encontro com o histórico de anos e anos dos Campeonato Brasileiros, que não recomenda nada além que sonhos.

Mas o Esporte Clube Vitória acredita e vai correr atrás até as últimas rodadas e, para isto, irá precisar do seu torcedor comparecendo e incentivando o time na quinta-feira contra o Botafogo-RJ, dentro do Barradão. Vencer o jogo e torcer por um empate entre os “Atléticos PR x MG”, é a meta ideal para reduzir para seis pontos a linha que o separa do G4. Difícil e complicado, mas essa será a bandeira que o clube precisa carregar para manter a torcida mobilizada até à última rodada.

A Tribuna da Bahia desta terça-feira, tratou da questão e traz as palavras do técnico Ney Franco, que assim como os jogadores,  convoca o torcedor Rubro-negro para “jogar” como o 12º jogador, ir ao Barradão para apoiar os jogadores do Rubro-negro contra o Botafogo do Rio, na partida válida pela 29ª Rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Quinta-feira será noite de rodada dupla no Barradão.

Na preliminar, a partir das 18h30min, o time Sub-20, reforçado com os profissionais que não estão sendo utilizados pelo técnico Ney Franco no Brasileiro, jogam contra a Jacuipense, defendendo a liderança do Grupo 1 da Copa Governador do Estado, pela 4ª Rodada da competição. No sábado, o time dirigido pelo técnico Carlos Amadeu perdeu para este adversário por 1 a 0, em Pituaçu.

Na principal, às 21 horas, o Vitória faz um jogo de “seis pontos” contra o Botafogo, atual vice-líder da Série A, com 49 pontos ganhos, e concorrente direto do time baiano na luta por uma vaga no G-4 e na Taça Libertadores da América de 2014. A volta do artilheiro argentino Maxi Biancucchi é uma atração a mais para o torcedor nesta rodada no Estádio do Barradão.

Com média baixa, o técnico Ney Franco pede o apoio do torcedor para o confronto contra Botafogo, na quinta. “Quero aproveitar para chamar o torcedor para o jogo de quinta-feira, porque, se tivermos competência para vencer na quinta, definitivamente a gente trabalha lá próximo do G-4, em condição de terminar a competição entre os quatro primeiros. A gente está desenvolvendo isso o tempo todo com os nossos atletas. A gente fez dois jogos fora de casa e perdeu. A gente tem que recuperar pontos nesses dois jogos, um que já passou e ainda tem o Botafogo. Mais dois jogos contra a Portuguesa e o Fluminense, com condições de pontuar fora de casa”, disse Ney Franco.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*