Bahia sofre novo apagão e perde para o Goiás

Este final se semana aconteceu uma autêntica conspiração pró Bahia, astros e times se reuniram, para ajudar o tricolor para sair da mira dos clubes que lutam para escapar da zona do infortúnio do Campeonato Brasileiro. No sábado, todos colaboram e abriram espaço para o tricolor executar sua parte, hoje à noite, vencendo ou até empatando no Serra Dourada, para suspirar na competição, com a ajuda indireta ou com a sequência de tropeços retos dos concorrentes.

No Domingo, nos jogos das 16h, outro mutirão foi realizado, com o Criciúma vencendo o Vasco, e até o goleiro Rogério Ceni resolveu se sensibilizar ao perder um pênalti aos 45 do segundo tempo, atrasando o São Paulo e, para completar, o Atlético-PR confirmando o favoritismo, segurou a Portuguesa e, no mesmo horário, o Bahia precisa agradecer somando ponto e se afastando das más companhias.

Mas quando o jogou começou, foi fácil notar que o tricolor não saberia aproveitar as oportunidades, quando tomou o primeiro gol marcado por Hugo, logo aos 4 minutos de jogo e, a partir daí, vivenciámos uma nova versão do apagão, agora  em Goiânia, de Portuguesa 4 x 2 Bahia pela 17ª rodada, quando novamente o time de Cristóvão Borges, apático, irreconhecível e bem diferente e distante daquele que derrotou o Esporte Clube Vitória na última quarta-feira, simplesmente levou 3 x 0 e acabou com as esperanças da torcida do tricolor, ainda no primeiro tempo.

Pelo que vimos no primeiro tempo, a segunda etapa seria uma mera questão de formalidade, era preciso seguir à risca o programado pelas regras do jogo. Portanto, esperar o tempo passar e torcer para que a goleada não se esticasse em proporções vergonhosa ou, quem sabe, reduzir o placar, ainda que o vexame estivesse garantido, era tudo que poderia almejar o torcedor do Bahia.

E o time até que melhorou, a despeito de ter o lateral Neto expulso, o tricolor equilibrou a partida, criou algumas oportunidades, reduziu o prejuízo com William Barbio, enquanto o Goiás levou o jogo até ao final no estilo banho-maria e, por fim, restou ao Bahia catar os cacos, revigorar as forças para tentar recuperar os pontos perdidos, na quarta-feira, contra o Flamengo, que hoje à noite foi derrotado pelo Botafogo-RJ, pelo placar de 2 x 1.

Mesmo com a derrota, o mutirão comunitário surtiu resultado e o Esporte Clube Bahia apenas caiu uma casa na tabela de pontuação. Agora ultrapassado pelo Corinthians, o tricolor agora é o décimo primeiro lugar.

O Esporte Clube Bahia continua longe da sua torcida, na sequência do Campeonato Brasileiro. Depois do duelo e vexame em Goiânia, praticamente sem pausa, o time embarca para o Rio de Janeiro, onde enfrentará, na próxima quarta-feira, o sempre-afamado Clube de Regata Flamengo, às 21h50, no Estádio do Maracanã. Para este jogo, o técnico Cristóvão Borges poderá ter os retornos do goleiro Marcelo Lomba, do lateral Madson e do volante Rafael Miranda, ausentes do jogo desta noite.

Em alguns momentos, confira todos os detalhes da partida e, logo após, o vídeo com os melhores momentos e toda movimentação pós-jogo de Goiás 3 x 1 Bahia, partida válida pela vigésima oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, edição 2013.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*