Bahia indisciplinado. Vitória disciplinado

Madson

Algo que ninguém pode negar é que os clubes baianos estão brilhando no Campeonato Brasileiro da Série A, em 2013, não somente brilhando, como surpreendendo até aqueles torcedores do estilo de Binha de São Caetano no clímax da maluquice. 

O Vitória nem tanto, ainda que sempre figurasse entre as diversas, listas dos prováveis rebaixados vinda quase todas da imprensa do sul, residia aqui entre nós, quase um consenso que o Leão poderia obter a renovação do alvará de licença por um novo período na elite do futebol brasileiro. 

Hoje o rubro-negro do torcedor Marcos Guimarães, é o quarto colocado, dando fortes indícios que além de sobreviver, fará uma campanha respeitável ao final do ano.

Já o Bahia a situação era catastrófica, tão preocupante que nem mesmo o parceiro Mauricio Guimarães Moura Costa, (não é parente de Marcelinho) acreditava na sobrevivência, tinha gente, por exemplo, que acreditava que depois de uma seqüência de coices, a queda já poderia acontecer no inicio do returno, aliás, como aconteceu com o América-RN, no ano de 2006/ou/7.

Hoje, o Bahia é o sétimo colocado, com a mesma pontuação de Atlético-PR, Vitória, e Internacional, porém AINDA abaixo da tabela apenas pelo desamparo dos critérios de desempate, no entanto, já encaminhou toda a papelada para que seja concedida por méritos e merecimentos o certificado de renovação para o período 2014.

Durante a próxima semana faremos aqui e até o final do turno, alguns comparativos das campanhas dos clubes no Brasileiro, isto se contar com ajuda do amigo Victor Hugo. Só não faremos o quesito público e renda, já que sabemos que o Esporte Clube Vitória, tem uma torcida diminuta, tipo moqueca, e a humilhação felizmente, não está incluso na minha vasta lista de defeitos conhecidos. 

Para começar, o Bahia é o time que mais recebeu cartão no atual Brasileiro entre todos os participantes, com 37 amarelos e dois vermelhos.  Madson no último contra o Atlético-PR e Diones contra o Vasco

Já o Vitória, não podemos exagerar para afirmar que se trata de um time de moças, mas assegurar que o Leão é mas disciplinar com apenas 16 amarelos em 12 jogos e não teve qualquer jogador expulso neste período.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*