Brasileirão Série A2 – Os Concorrentes – Parte 2

Ponte Preta – Se manteve na
primeira divisão com uma campanha fraca em 2012, finalizando na 14ª posição,
mas começou 2013 com ótimas apresentações, se destacando no difícil campeonato
paulista (4º na fase classificatória, mas eliminado pelo campeão nas quartas),
e avançando para a terceira fase da Copa do Brasil, sempre com goleadas, sem
precisar de jogar a segunda partida (Eliminou o Itabaiana e o Bragantino). 

Portuguesa – Por muito pouco não
volta para a segundona no ano passado, ficando na primeira posição fora da zona
de rebaixamento. Teve que se submeter a segundona do estadual (tinha sido
rebaixado no ano anterior), mas conseguiu subir como campeão, vencendo o Rio
Claro na final. Mas não parece ser garantia de recuperação do futebol, já que
pela Copa do Brasil foi eliminado na primeira fase pelo pouco conhecido
Naviraiense. 

Criciúma – Voltou a elite do
futebol brasileiro após alguns anos através de uma bela campanha que lhe
garantiu o vice campeonato da segundona. Pelo estadual conseguiu se recuperar
de um péssimo primeiro turno e conseguiu voltar a levantar a taça depois de 8
anos. Pela Copa do Brasil garantiu presença na terceira fase eliminando o
Noroeste e o São Bernardo. 

Goiás – Campeão da série B de
2012 com uma campanha sólida e memorável, o Goiás conseguiu o bicampeonato
Goiano nos minutos finais da decisão com um gol do ex-rubro negro Neto Baiano.
Pela Copa do Brasil avançou para a terceira fase após eliminar o Oratório e o
Santo André. 

Náutico – O Timbu foi o que
conseguiu a melhor campanha no Brasileirão de 2012 dentre os “não grandes”
nacionais. Ficou na 12ª posição com uma campanha constante e regular que salvou
seus torcedores da agonia do rebaixamento. Mas 2013 não começou muito bem pois
ficou mais uma vez fora das finais do estadual sendo eliminado uma fase antes,
e também foi desclassificado da Copa do Brasil ainda na primeira fase pelo
CRAC, que tem muito menos status e força. A copa do Nordeste sequer disputou já
que não ficou entre os 3 pernambucanos no estadual de 2012. 

Este é portanto o perfil de
nossos verdadeiros concorrentes. Mas nós torcedores, guiados como sempre pela
emoção, vamos continuar acreditando que poderemos um pouco mais, e que nossos
clubes nos dê a alegria de brigarmos por coisas mais importantes do que
simplesmente fugir do rebaixamento. Na adversidade e na dificuldade é que valorizamos
ainda mais nossas conquistas. E que elas venham nesse Brasileirão de 2013.

Brasileirão Série A2 – Os Concorrentes – Parte 1 

Victor Hugo 

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*